Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Mafioso espanhol oferece 'serviços' a Ronaldo

O nome de Cristiano Ronaldo surge em conversas telefónicas de um alto dirigente da máfia espanhola que recentemente foi detido.
30 de Janeiro de 2012 às 14:23
Cristiano Ronaldo
Cristiano Ronaldo FOTO: d.r.

A edição de hoje da revista ‘Interviú' revela uma conversa entre alguém alegadamente ligado ao jogador português e Lauro Sánchez Serrano, empresário do mundo da noite agora detido por tráfico de droga e vértice de uma rede criminosa.

"O Cristiano vem jogar para o Madrid. Tens contactos de alguém que queira vender-lhe uma casa", pergunta alguém não identificado. "Estou em cima disso. Estou a ver se arranjo umas coisitas. Posso-lhe arranjar mulher, carro, casa, tudo o que queira", responde Lauro Serrano depois do internacional ter sido confirmado como jogador merengue (2009).

Na reportagem da revista os nomes dos espanhóis Raul González e Guti (ambos antigos jogadores do Real Madrid) surgem como sendo amigos do empresário natural da Colômbia. Paulo Futre é outro dos nomes que constam das gravações a que a ‘Interviú' teve acesso.

Lauro Serrano foi detido em finais do ano passado numa mega- operação denominada ‘Éden'. Na altura foram detidas 160 pessoas, 276 quilos de cocaína, 27 milhões de euros em ouro e dinheiro e cerca de 200 milhões de euros em carros e vivendas.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)