Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Marion Jones pede a juiz para não ser presa

A norte-americana Marion Jones pediu a um juiz federal para não ser condenada à prisão, depois de ter confessado em Outubro que utilizou substâncias dopantes para melhorar a sua performance antes do Jogos Olímpicos de Sydney’2000.
4 de Janeiro de 2008 às 00:00
Nessa competição, a ex-velocista de 32 anos, conquistou cinco medalhas de ouro, as que teve de entregar após a confissão. Marion está a ser julgada por mentir aos investigadores e por fraude. Conhece o veredicto na próxima semana.
Ver comentários