Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

Mateus continua no centro da polémica

O Gil Vicente não se conforma com o facto do angolano Mateus ter sido contratado pelo Boavista, quando decorria um processo de litígio entre o futebolista e o clube de Barcelos.
22 de Dezembro de 2007 às 00:00
Os gilistas já avançaram para a Liga de Clubes com uma participação contra o Boavista e António Fiuza reclama que seja feita justiça: “Exigimos que sejam apuradas as circunstâncias em que tiraram um activo ao Gil Vicente”, apelou o presidente, denunciando que “houve um claro aproveitamento por parte do Boavista”.
Recorde-se que os axadrezados contrataram em Agosto o avançado Mateus, o mesmo que um ano antes esteve no epicentro do caso que relegou o emblema de Barcelos para a Liga de Honra.
De acordo com a defesa gilista, o Boavista terá aliciado o jogador quando decorria na Comissão Arbitral Paritária da Liga uma acção sobre a rescisão do jogador que tinha contrato até 2010.
Para consumar a rescisão unilateral, à qual a CAP acabaria por dar provimento, o futebolista alegou ter sido vítima da “omissão de dados médicos”. O jogador viu abortada a transferência para o Dínamo de Bucareste, após os exames médicos terem acusado hepatite B crónica.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)