Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

Mulher de dirigente do Sporting com marcas após agressão no Dragão Caixa

Miguel Albuquerque, diretor-geral das modalidades dos leões, culpa quadros do FC Porto.
18 de Março de 2019 às 11:34
A carregar o vídeo ...
Miguel Albuquerque, diretor-geral das modalidades dos leões, culpa quadros do FC Porto.
Miguel Albuquerque, diretor-geral das modalidades do Sporting, pronunciou-se, através do Facebook, sobre a agressão de que foi alvo no Dragão Caixa, no jogo de hóquei em patins, tal como o jornal Record avançou este domingo.

"José Magalhães, diretor do andebol do FC Porto, e o seu amigo Adelino Caldeira, administrador da FC Porto SAD, são os verdadeiros culpados das agressões que se verificaram", acusou o dirigente, revelando que os incidentes verificados no sábado, na zona VIP, surgem na sequência de ameaças que começaram a 6 de março, após o jogo de andebol no Pavilhão João Rocha. "O Sr. Magalhães andava a ameaçar os responsáveis do andebol do Sporting, garantindo que quando os dirigentes do Sporting CP se deslocassem ao Dragão Caixa iriam, segundo as suas palavras, ‘ser apertados pelos índios’".

Depois, Miguel Albuquerque, que esta segunda-feira voltou ao Dragão Caixa para assistir ao clássico de andebol, mas nas bancadas juntos dos adeptos leoninos, contou o que se passou no jogo de hóquei.
Ver comentários