Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

Mundial de 2017 de Atletismo será em Londres

Londres vai receber os Mundiais de Atletismo de 2017, com a candidatura inglesa a derrotar esta sexta-feira, na escolha feita no Mónaco pelo conselho da IAAF, a sua rival de Doha.
11 de Novembro de 2011 às 20:40

Por 16 votos contra 10, o Qatar perde a corrida à maior competição de atletismo, não conseguindo "ganhar pontos" suficientes com a organização dos Mundiais de pista coberta, no ano passado.  

As edições de 2013 e 2015 já estavam atribuídas, respectivamente a Moscovo e Pequim, acentuando-se assim a tendência dos Mundiais regressarem às grandes cidades mundiais.  

Lord Sebastien Coe, que também é presidente do comité organizador dos Jogos Olímpicos Londres2012, jogou todo o seu prestígio nesta candidatura, assente num estádio vocacionado para o atletismo e com uma capacidade de 60 mil espectadores.  

Aquele que é apontado como o sucessor do presidente Lamine Diack, à frente da IAAF, foi o porta-voz da candidatura inglesa e conseguiu convencer os seus pares.  

Com o antigo campeão e recordista dos 1.500 metros estiveram Boris Johson, presidente da câmara de Londres, e Hugh Robertson, ministro dos Desportos, além de vários atletas de nível mundial, como Denise Lewis, antiga campeã olímpica de heptatlo, e Jodie Williams, campeã mundial de juniores.  

atletismo mundiais qatar londres
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)