Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
3

“Não posso correr riscos”

Cristiano Ronaldo aponta o jogo com o AC Milan, dia 3 de Novembro, referente à fase de grupos da Liga dos Campeões, como o provável regresso aos relvados após a lesão no tendão do tornozelo direito. O internacional português, por quem a Selecção também espera para o play-off de acesso ao Mundial 2010, admite, no entanto, que só voltará quando estiver a cem por cento.
27 de Outubro de 2009 às 00:30
Ronaldo esteve ontem no relvado mas apenas para ouvir a palestra do técnico Manuel Pellegrini
Ronaldo esteve ontem no relvado mas apenas para ouvir a palestra do técnico Manuel Pellegrini FOTO: Dani Cardona/Reuters

"Quero jogar contra o AC Milan. É um jogo muito importante para nós e vou tentar jogá-lo. Quero ajudar os meus companheiros o quanto antes, mas tenho consciência de que não posso arriscar demasiado. A época é grande e não se pode voltar a correr os mesmos riscos. Só regressarei quando estiver totalmente apto", disse o craque madeirense citado pelo jornal espanhol ‘As’.

Cristiano Ronaldo lesionou-se no jogo com o Marselha, a 30 de Setembro, no Santiago Bernabéu, tendo daí em diante falhado três jogos dos merengues: deslocação a Sevilha (derrota 2-1), recepção ao AC Milan (derrota 3-2) e visita ao Sp. Gijón (empate a zero), no último fim-de-semana.

No treino de ontem do Real Madrid, o Melhor Jogador do Mundo e candidato à Bola de Ouro 2009 esteve no relvado para ouvir a palestra do técnico chileno Manuel Pellegrini, encaminhando-se de seguida para o ginásio onde cumpre o plano de recuperação da lesão no tornozelo direito. Pepe, colega de Selecção, acompanhou CR9 no ginásio.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)