Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

“Não são realidades comparáveis”

Seleccionador nacional disse esta noite, no Barreiro, que os catalães formam jogadores para ficarem no clube toda a vida e que os leões pensam logo no rendimento financeio antes de tirarem dividendos desportivos.
12 de Março de 2011 às 00:09
Octávio Ribeiro, director do CM, e Paulo Bento, seleccionador nacional
Octávio Ribeiro, director do CM, e Paulo Bento, seleccionador nacional FOTO: Sérgio Lemos

"Não são realidades comparáveis”, disse esta noite Paulo Bento, no Barreiro, quando confrontado com o facto de Sporting e Barcelona terem duas das melhores escolas de formação de jogadores do Mundo. “O Barcelona forma futebolistas para ficarem no clube toda a vida.No Sporting, não é assim. Muitas vezes, antes de chegar o rendimento desportivo já estão a pensar no financeiro. Foi o que se passou com Cristiano Ronaldo, Nani, Simão e Miguel Veloso, entre outros.”

Já sobre o facto de ter dispensado Silvestre Varela, quando treinou o Sporting, o seleccionador nacional, adiantou: “Resultou de um desentendimento daquilo que era a forma de jogar da equipa, na qual as características dele não se enquadravam. Essa decisão poderia ter sido posta em causa quando ele jogou no V. Setúbal e Estrela da Amadora. Mas isso só sucedeu quando Varela (2009) foi para o FC Porto.”

Paulo Bento participou esta noite num debate sobre futebol de formação na sede do FC Barreirense, no âmbito das comemorações do centenário do clube, que disputa a 1.ª divisão do Distrital de Setúbal.

Octávio Ribeiro, director do CM, foi o moderador do debate, em que também participou o jornalista João Querido Manha.

“Este clube foi feito por homens e mulheres capazes de realizarem grandes obras. Se o Barreirense desceu, vai com certeza voltar a subir”, disse Octávio Ribeiro.

Na plateia estavam, entre outros, o antigo jogador do Barreirense e do Benfica, José Augusto, o treinador Manuel de Oliveira, o ex-árbitro Carlos Valente e o director desportivo da FPF, Carlos Godinho.

Ao longo do debate, Paulo Bento defendeu que devia haver uma lei que obrigasse os clubes nacionais a utilizarem mais jogadores portugueses “em equipas de certos escalões”, quando confrontado com o facto aliñharem muitos estrangeiros nas equipas jovens.

O selecionador lamentou ainda a lesão de Nani – sofreu um corte profundo na tíbia esquerda, no último domingo, após entrada dura de Carragher, durante o Liverpool- Manchester United (3-1), jogo da liga inglesa. “São coisas que não deviam acontecer, mas, infelizmente sucedem.”

DEBATE BARREIRO OCTÁVIO RIBEIRO PAULO BENTO BARCELONA SPORTING SELECÇÃO VARELA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)