Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

“Não tenho nada para provar”

"Não tenho nada para provar aos jogadores, adeptos e dirigentes do Chelsea", disse ontem José Mourinho, treinador do Inter, na antevisão do jogo de hoje com a sua ex-equipa (19h45, RTP 1), para a Liga dos Campeões (2-1 na 1ª mão).
16 de Março de 2010 às 00:30
José Mourinho diz que “não será especial” eliminar o Chelsea
José Mourinho diz que “não será especial” eliminar o Chelsea

"Será especial passarmos aos quartos-de-final. Não será especial eliminar o Chelsea", frisou. Confrontado com o regresso a Stamford Bridge, afirmou: "É óbvio que devo controlar as minhas emoções. Não confundo os sentimentos que tenho pelos meus ex-jogadores e pelo Chelsea com a vontade que tenho de vencer."

Carlo Ancelotti, técnico dos blues – vai poder contar com Ricardo Carvalho, que recuperou de lesão –, também comentou o regresso de Mourinho: "Penso que os adeptos o vão receber como ele merece." O grande ausente da partida de hoje é Balotelli, que ficou fora da convocatória por opção de ‘Il Speciale’. "Não joga e não falo dele", disse o treinador português.

Sobre o mau momento na liga italiana e a possível influência no jogo de hoje, José referiu que são "duas competições distintas" e acrescentou: "Todos sabemos o motivo [que não revelou] pelo qual o Milan está apenas a um ponto."

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)