Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

“Não vi um euro”: Ex-presidente do União de Leiria suspeito de receber milhares em transferência de jogador

João Bartolomeu diz que foi constituído arguido por causa do cargo que desempenhou.
Tiago Virgílio Pereira e José Durão 29 de Agosto de 2020 às 09:35
João Bartolomeu foi presidente da União de Leiria e já esteve envolvido em outros casos
João Bartolomeu foi presidente da União de Leiria e já esteve envolvido em outros casos FOTO: Luís Filipe Coito
João Bartolomeu, antigo presidente da União de Leiria, é suspeito de receber 130 mil euros relativos à transferência do jogador Tiago Terroso para o Chornomorets, clube da Ucrânia, em 2012.

“Não vi um euro desse dinheiro e só fui constituído arguido por causa do cargo que ocupava na altura”, explicou esta sexta-feira ao CM.

Porém, este é mais um duvidoso negócio a assombrar o antigo presidente da SAD da União Desportiva de Leiria, depois da transferência do brasileiro Carlão para os japoneses do Kashima Antlers por dois milhões de euros, entretanto arquivada, e do cabo-verdiano Djaniny para o Benfica, a troco de cerca de 500 mil euros, e que foi objeto de suspensão provisória de processo.

Bartolomeu é suspeito do crime de abuso de confiança agravado, assim como o diretor desportivo, Rodolfo Vaz e o advogado Duarte Costa.

Os três delinearam um plano para “sonegar dinheiro à União de Leiria SAD para proceder à divisão de direitos económicos resultantes da transferência dos direitos federativos do atleta”, sustenta a acusação.

O clube da Ucrânia transferiu os 130 mil euros para uma conta na Suíça e os três decidiram distribuir o valor por diferentes contas, sendo que cerca de 45 mil euros foi canalizada através de Mário Cruz, vogal da SAD, para pagamentos dessa conta.

Por isso, o Tribunal subtrai o valor aos 130 mil euros e considera que a vantagem criminosa dos arguidos foi de cerca de 85 mil euros, perdida a favor do Estado.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)