Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

Nova guerra na SAD do FC Porto

Antero Henrique terá tentado boicotar negócio que envolveu Alexandre Pinto da Costa.
27 de Maio de 2013 às 01:00

Carlos Eduardo, antigo jogador do Estoril, abriu nova ferida na luta interna pelo poder na SAD do FC Porto.

Segundo apurou o Correio da Manhã, uma vez assumido o interesse dos dragões no médio dos canarinhos, de 23 anos, o diretor-geral da SAD, Antero Henrique, delegou no empre-sário da sua confiança, Mohammed Afsal, a responsabilidade de conduzir as operações. Alertado para o facto, Alexandre Pinto da Costa, filho do presidente, que tinha em seu poder uma procuração passado pelo empresário de Carlos Eduardo, Marcelo Pinheiro, fez valer essa condição para ser ele a conduzir o processo negocial.

Segundo apurou o CM, Antero Henrique, que foi apanhado de surpresa, telefonou então aos canarinhos, para fazer constar que os dragões já não estavam interessados no jogador. Devido a esta atitude, Alexandre exibiu ao pai, Pinto da Costa, a procuração que lhe foi passada por Marcelo Pinheiro e pediu a sua intervenção no caso. Assim aconteceu. O líder dos dragões deu luz verde ao filho, que negociou os termos do contrato com Tiago Ribeiro, presidente do Estoril e representante da Traffic na Europa.

Segundo apurou ainda o Correio da Manhã, os dragões pagaram 800 mil euros por 80 por cento do passe, pelo que os canarinhos vão encaixar 20 por cento do montante de uma futura transferência.

FC Porto futebol SAD mercado contratação Carlos Eduardo Estoril
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)