Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
7

O OBJECTIVO É GANHAR O SEGUNDO TÍTULO

A pouco tempo de defrontar os espanhóis do Valência (sexta-feira) o técnico Víctor Fernández não esconde a satisfação por ter assumido o comando técnico dos campeões europeus e já aponta como próximo objectivo conquistar no Mónaco a segunda a Supertaça europeia para o FC Porto.
25 de Agosto de 2004 às 00:00
O sucessor de Del Neri reconhece a importância de ter ganho o primeiro título da época frente ao Benfica – “o FC Porto tem uma filosofia definida desde há muito tempo: ganhar, ganhar e ganhar” –, porque agora o próximo objectivo “é ganhar o segundo título, na próxima sexta-feira, frente ao Valência”.
No entanto, nesta entrevista ao jornal espanhol AS, o treinador do FC Porto recorda que o Valência “é uma equipa mais forte que o Benfica. Conserva os fundamentos das temporadas anteriores, com um bloco sólido, uma tremenda condição física, magnífica organização defensiva e uma pressão asfixiante no centro do campo que não deixa jogar”.
Nessa entrevista, Fernández apontou como objectivo prioritário a conquista da SuperLiga – “nada me vai exigir a Liga dos Campeões “ – e não poupa elogios ao presidente: “Pinto da Costa sabe que voltar a ganhar a Liga dos Campeões vai ser quase impossível”, deixou entender o técnico, reconhecendo que herdou uma equipa não só “com a mão de Mourinho”, como do próprio Pinto da Costa. “A sua influência na equipa é inquestionável”, destaca, acrescentando que o FC Porto assiste à saída de futebolistas importantes como Deco, Ricardo Carvalho e Paulo Ferreira e Pedro Mendes “de forma pouco traumática”.
Convocados para Valência: Vítor Baía, Nuno, Seitaridis, Jorge Costa, Pedro Emanuel, Pepe, Ricardo Costa, Nuno Valente, Rossato, Areias, Costinha, Maniche, Bosingwa, Raul Meireles, Hugo Leal, Carlos Alberto, Quaresma, Maciel, César Peixoto, McCarthy, Postiga e Hugo Almeida.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)