Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
3

Olhanense consegue bis

O Olhanense foi ontem a Chaves averbar mais um triunfo (1-0), consolidando a sua posição a meio da tabela e empurrando os flavienses para um último lugar mais distante, onde a esperança de escapar à despromoção parece cada vez mais encolhida.
19 de Março de 2007 às 00:00
Álvaro Magalhães viu olhanense ganhar mesmo reduzido ao dez
Álvaro Magalhães viu olhanense ganhar mesmo reduzido ao dez FOTO: d.r.
Num jogo de fraca qualidade, o ‘lanterna vermelha’ não foi capaz de tomar a iniciativa e entregou o controlo do jogo aos comandados de Álvaro Magalhães, que dominaram do princípio ao fim, apesar de terem jogado reduzidos a dez homens em campo os últimos 26 minutos da partida. O defesa Vasco Fernandes cometeu faltas para dois castigos disciplinares e viu o cartão vermelho, por acumulação, aos 64 minutos de jogo.
O Olhanense provou sempre ser a equipa mais serena em campo e chegou ao golo na primeira vez que os seus avançados se aproximaram com perigo da baliza flaviense à defesa de Riça. O tento solitário da partida e que valeu aos algarvios a segunda vitória consecutiva na segunda volta do campeonato foi apontado por Rui Duarte, aos 27 minutos, num remate executado já dentro da área. Rui Duarte, com seis golos, é o segundo melhor marcador da equipa algarvia, a seguir a Djalmir (oito golos).
A perder, o Chaves não conseguiu inverter o rumo dos acontecimentos e esteve mesmo à beira de sofrer o segundo, numa jogada onde o burquinense Narcisse ‘disparou’ ao lado.
Álvaro Magalhães já teve ao seu dispor Rui Miguel (lesionado nas últimas quatro jornadas) e Marco Airosa (castigo de três jogos), mas só utilizou este último e na parte final.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)