Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

Pai critica demora na subida

O meu filho era um anjo que estava na terra.” Foram estas as primeiras palavras do pai do falecido alpinista Bruno Carvalho na missa que ontem se realizou na Igreja São João de Brito, em Lisboa. Com muitas horas de sono perdidas nos últimos dias, Jorge Carvalho não escondeu, antes da missa, uma certa mágoa para com João Garcia, o líder do grupo de alpinistas que subiu ao cume do Shisha Pangma, onde Bruno Carvalho morreu.
5 de Novembro de 2006 às 00:00
“As condições invernais eram já muito complicadas, com ventos na ordem dos 160 km. Não compreendo o porquê de terem demorado tanto tempo para fazerem a tentativa de cume. Eles foram os últimos a subir, eram os únicos que ainda lá estavam... Desde o dia do acidente que tenho procurado falar com alguém da equipa, mas só o consegui fazer em três ocasiões”, disse, reservando mais declarações sobre este tema para “uma ocasião mais propícia”.
Jorge Carvalho tem estado a acompanhar, na medida do possível, os passos para o resgate do corpo do seu filho, uma tarefa bastante complicada. Ainda assim, garante que só irá descansar depois de trazer Bruno de volta a Portugal.
“Estou crente de que iremos conseguir, embora não haja previsões certas. Soube esta manhã que um grupo de montanhistas de renome está já a ambientar-se às condições do local para tentarem o resgate do corpo. Acredito plenamente que iremos trazê-lo de volta para lhe dar um enterro condigno”, disse.
A missa em memória de Bruno, que faleceu poucas horas depois de ter conquistado o cume do Shisha Pangma, foi muito simples, mas com uma carga emotiva muito forte.
As lágrimas dos amigos, entre os quais os escoteiros do Grupo 93 de Sintra, foram uma constante ao longo da cerimónia. Junto à pia baptismal, Jorge Carvalho colocou várias fotos do filho.
Com a voz embargada pela emoção, Jorge Carvalho agradeceu todas as manifestações de apoio recebidas nos últimos dias.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)