"Perigoso" adepto do Boca Juniors expulso do aeroporto de Madrid

Mais de duas mil polícias espanhóis destacados, além de cerca de 1.400 agentes da Unidade de Intervenção.
06.12.18
River e Boca Juniors vão encontrar-se domingo mas num contexto... nunca dantes visto. Serão mais de dois mil polícias espanhóis destacados, além de cerca de 1.400 agentes da Unidade de Intervenção e 20 spotters vindos da Argentina que controlarão 800 elementos das Barras Bravas proibidos de ver o jogo. Para já, a polícia espanhola informou que expulsou de Espanha um "dos mais significativos e perigosos" cabecilhas da claque do Boca Juniors com "numerosos antecedentes" criminais.

A polícia acrescenta que o adepto em causa "foi devolvido à Argentina" e lembrou que "futebol não é violência".

No domingo, a operação denominada CABA (Cidade Autónoma de Buenos Aires) arrancará às 9 da manhã e só será dada como concluída na madrugada de segunda-feira.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!