Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Pinilla a todo o gás

O atacante Maurício Pinilla volta a ter motivos para sorrir. Tudo porque o internacional chileno, depois de ter passado as últimas semanas a cumprir um programa de recuperação, consequência da operação ao joelho a que foi submetido, trabalhou ontem, na Academia de Alcochete, sem qualquer espécie de limitação.
27 de Julho de 2005 às 00:00
O chileno Maurício Pinilla está a recuperar bem e ontem trabalhou sem qualquer limitação
O chileno Maurício Pinilla está a recuperar bem e ontem trabalhou sem qualquer limitação FOTO: Miguel Barreira (Record)
Animado, Pinigol parece apostado em recuperar rapidamente o tempo perdido. Já Tonel, o último reforço a chegar a Alvalade, treinou ontem pela primeira vez com a totalidade do grupo de trabalho, excepção feita aos lesionados.
Recorde-se que o central que o Sporting resgatou ao Marítimo havia iniciado os trabalhos de ‘leão ao peito’ na véspera, dia em que a maioria dos companheiros se encontrava no Algarve, onde a equipa defrontou, e venceu (3-1), o West Bromwich Albion.
Coincidência ou não, a verdade é que Tonel surgiu no relvado acompanhado por dois dos capitães de equipa - Sá Pinto e Rochemback. Beto, a recuperar de uma mialgia de esforço, foi o grande ausente de uma sessão de trabalhos em que Peseiro optou por poupar os titulares frente ao West Bromwich Albion. Só os restantes participaram numa ‘peladinha’ que serviu para Deivid revelar pontaria: apontou dois golos.
Refira-se ainda que o centrocampista Custódio, outro dos jogadores entregues ao departamento médico ‘leonino’, reapareceu no relvado, ainda que apenas para cumprir 15 minutos de corrida. Para o dia de hoje, José Peseiro agendou uma dupla sessão de trabalhos. Assim, na Academia de Alcochete, os ‘leões’ treinam pelas 09h30 e pelas 18h00.
ROCHEMBACK REVELA: "PERDI SEIS QUILOS"
Rochemback está muito próximo de atingir a forma ideal, depois da operação a que foi sujeito no final da época passada. E é por isso mesmo que, considerando também as indicações retiradas da pré-temporada ‘leonina’, o brasileiro aposta forte “numa grande época”.
“Cada jogador tem o seu tempo para adquirir a melhor condição física. No meu caso, a minha forma está a evoluir favoravelmente. Já perdi seis quilos desde o início da época. E isso é muito bom. Faz-me sentir que estou no caminho certo para fazer uma grande temporada”, explicou, antes de se debruçar sobre o triunfo ante o West Bromwich Albion (3-1).
“Acabámos por fazer um jogo inteligente. Jogámos um futebol bonito frente a um adversário complicado. Impusemos o nosso futebol e marcámos três golos. Podíamos ter feito mais” sustentou ‘Roca’.
O ÚLTIMO ANO DO 'LEÃO' SÁ PINTO
Ricardo Sá Pinto, um dos mais carismáticos jogadores do Sporting, anunciou, através do jornal oficial do clube, que esta será sua a última temporada como futebolista. Mas admite permanecer ao serviço do Sporting.
”Este vai ser o meu último ano como profissional de futebol. Já decidi, e transmiti à administração da Sporting SAD que irei pôr um ponto final na carreira. Amo esta profissão e, acima de tudo, o Sporting”, disse, lembrando que “o futebol já não é só treinar, alongar, tomar banho e ir para casa. O treino invisível e a musculação têm exigido muito de mim, por isso irei pôr um ponto final”, explicou. “Se o clube pretender que fique noutras funções, é óbvio que aceito pois sinto-me em casa”, sustentou.
Ver comentários