Pinto da Costa diz que Militão não sai em janeiro

O dirigente admitiu ainda que não teme "perder ninguém no mercado de inverno".
Por Lusa|20.12.18
  • partilhe
  • 2
  • +

O presidente do FC Porto negou esta quinta-feira que o defesa-central brasileiro Éder Militão esteja de saída do clube campeão nacional de futebol, em declarações durante o jantar de natal da comissão de honra de apoio à candidatura.

"Falou-se de um ou dois clubes, que tiveram o cuidado de telefonar, mas disseram-me que era mentira. Em janeiro não sairá, estamos a tentar renovar o contrato para aumentar a cláusula de rescisão (atualmente de 50 milhões de euros). Chegou há três meses e ninguém pensava no Militão. É com estes jogadores que queremos ir até ao final da época", disse Pinto da Costa sobre Militão, central que se destacou no clube e que é associado a alguns clubes europeus.

O dirigente admitiu ainda que não teme "perder ninguém no mercado de inverno" e mostrou-se satisfeito que os jogadores do FC Porto estejam a ser alvo de cobiça.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!