Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Polícia trava tentativa de invasão

A PSP travou com tiros para o ar e à bastonada uma tentativa de invasão do hall VIP do Estádio José Alvalade, ontem à noite, após o empate (1-1) do Sporting com o Marítimo. Pouco passava das 22h30 quando cerca de duas centenas de adeptos tentaram chegar perto dos jogadores leoninos.
2 de Novembro de 2009 às 01:24

Algumas pessoas atiraram pedras e grades de ferro contra a polícia, momento em que os agentes resolveram disparar cinco tiros (balas de borracha), evitando assim que entrassem numa zona do estádio que lhes permitiria ter acesso aos jogadores. Alguns atletas do Marítimo foram apanhados no meio da confusão e tiveram de regressar para o interior do recinto. A PSP contou com 200 elementos e foi mesmo obrigada a pedir reforços para fechar todosos acessos ao interior do Alvalade XXI. Perto das 23h30, a zona em redor do estádio já estava "limpa", de acordo com fonte da PSP, e não houve detenções. José Eduardo Bettencourt, presidente do Sporting, saiu do recinto sem incidentes, depois de ter ido aos balneários confortar os jogadorese a equipa técnica. Já Paulo Bento garantiu que hoje irá, "de certeza", orientar o treino dos leões.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)