Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Portugal alcançou a melhor participação dos últimos 10 anos

A representação portuguesa nos Mundiais de atletismo, em Osaka (Japão), logrou alcançar a melhor participação dos últimos 10 anos, onde sobressai a medalha de ouro conquistada por Nélson Évora no triplo salto. Desde 1997 que um atleta português não subia ao lugar mais alto do pódio.
3 de Setembro de 2007 às 00:00
Nélson Évora venceu ouro nos Mundiais que terminaram ontem
Nélson Évora venceu ouro nos Mundiais que terminaram ontem FOTO: Kimimasa Mayama/Epa
O saltador de 23 anos foi o responsável pela quinta medalha de ouro portuguesa em Mundiais, depois de Rosa Mota (1987), Fernanda Ribeiro e Manuela Machado (1995) e Carla Sacramento (1997). Naide Gomes ficou muito perto do pódio. A atleta do Sporting acabou na quarta posição a final do salto em comprimento, mas até à última série estava em segundo lugar.
Os atletas que conseguiram ficar nos oito primeiros nas respectivas provas contribuíram para a boa prestação. Portugal somou 19 pontos, tantos como em Helsínquia 2005 e mais do que em Paris 2003 e Edmonton 2001.
O último dia de competição ficou marcado pela prova de Anália Rosa na maratona. A atleta debateu-se com dores na canela e no joelho que a impediram de fazer melhor do que o 36.º lugar. “Foi mesmo um sacrifício desde os 12 km, mas o objectivo era terminar. Não me peçam tempos”, confessou. A prova foi ganha pela queniana Catherine Ndereba.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)