Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
7

PORTUGAL É CAMPEÃO EUROPEU

A Selecção Nacional Sub-17 conquistou o quinto ‘Europeu’ da categoria ao vencer ontem em Viseu a Espanha por 2-1, num jogo em que a equipa lusa foi superior ao adversário durante os 80 minutos. Em terceiro lugar classificou-se a Áustria que, em Santa Comba Dão, derrotou a Inglaterra por 1-0.
18 de Maio de 2003 às 00:01
A festa foi portuguesa na final do Campeonato da Europa de Sub-17
A festa foi portuguesa na final do Campeonato da Europa de Sub-17 FOTO: António Simões (Lusa)
Com o Fontelo completamente cheio a gritar por Portugal, a selecção lusa entrou em jogo disposta a contrariar o favoritismo dos espanhóis e pertenceu-lhe a primeira oportunidade de golo, aos 9m. Excelente jogada de Vieirinha que cruzou para a área onde apareceu Saleiro, que cabeceou para uma boa defesa do guarda-redes espanhol. A equipa das quinas, a partir dos 15 minutos tomou conta do jogo. Defendia com segurança e atacava com rapidez, trocando a bola. Foi assim que Portugal inaugurou o marcador, aos 22 minutos. Depois de uma recuperação de Veloso, a bola sobra para João Coimbra e este passa a bola por cima da defesa contrária e desmarca Márcio Sousa, que à entrada da área rematou sem hipóteses para o guarda-redes. Grande golo.
A partir daí a Espanha foi atrás do prejuízo e podia ter marcado por duas vezes mas Mário Felgueiras exibiu-se a bom nível e segurou o empate. Ainda nos tempos de descontos da primeira parte, Portugal poderia ter aumentado a vantagem por intermédio de João Pedro mas um espanhol desviou ‘in extremis’ a bola da baliza.
No segundo período a Espanha restabeleceu o empate, logo no primeiro minuto, na sequência de um pontapé de canto e por David Sánchez (melhor marcador do torneio com seis golos). Portugal não acusou o golo e cinco minutos depois voltou à condição de vencedor. Aos 46 minutos, Márcio Sousa (o melhor jogador em campo), na marcação de um livre sobre a direita marca um ‘golão’ e bate pela segunda vez Garrido.
A partir daí o seleccionador espanhol arriscou tudo no ataque mas não obteve resultados. Por sua vez, António Violante não se deixou enganar, pediu à equipa para subir no terreno e inteligentemente ‘refresca’ o meio-campo. Aos 52 minutos saiu João Pedro (lesionado) e entrou Bruno Gama, e aos 70 minutos trocou Manuel Curto por João Coimbra. Ajudada por um público impressionante a selecção lusa, viria a segurar o resultado até ao fim e assim conquistar mais um Campeonato Europeu. Mais que o troféu, é importante referir que esta equipa conta com excelentes executantes e exibiu-se a níveis técnicos e tácticos já muito aceitáveis. Ontem foram uma selecção coesa, trabalhadora e humilde. Todos eles e António Violante estão de parabéns. Um última palavra para a organização do torneio: irrepreensível. Venha o ‘Euro’2004’.
ANTÓNIO VIOLANTE: “ESTOU MUITO FELIZ POR ESTA VITÓRIA”
Após o final da partida em que Portugal se sagrou campeã da Europa de Sub-17, depois de ter batido a Espanha por 2-1, o técnico responsável, António Violante adiantou que "foi uma grande vitória. Estou muito satisfeito por ter ganho este Campeonato da Europa”, para dizer que “soube-nos ainda melhor por termos defrontado um fortíssimo opositor, a Espanha”.
Violante, na hora da vitória, não esqueceu o apoio dos adeptos portugueses. "O apoio do público foi muito importante e aproveito para lhes dedicar esta vitória. O facto de ser o treinador português com mais títulos no escalão (dois) deixa-me muito satisfeito”.
Por sua vez, Juan Santisteban, treinador de Espanha, adiantou estar "muito desgostoso, pois ninguém gosta de perder. Mas reconheço que Portugal dominou o jogo e, como sou um homem justo, considero que a vitória assenta bem à equipa portuguesa”, referiu.
Entretanto, para Márcio Sousa, o autor dos dois golos de Portugal, este “foi o dia mais feliz da minha vida. Estou muito satisfeito, fiz dois golos, mas toda a equipa foi importante para a vitória”, dedicando o ceptro europeu “a todos os portugueses e em especial ao público viseense, que muito nos apoiou", disse.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)