Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Protestos no Sado

Norton de Matos, que se estreou ontem no Bonfim como treinador do V. Setúbal, em jogos oficiais, não vai ter vida fácil. A derrota com o Paços de Ferreira (0-1) e, sobretudo, a pálida exibição e a ineficácia ofensiva, colocaram os nervos em franja aos impacientes adeptos sadinos.
29 de Agosto de 2005 às 00:00
No fim do encontro, meia dúzia de elementos de uma claque manifestou-se a alta voz junto à sala de Imprensa, não só pelo que se passou no campo, mas também pelo facto de alguns adeptos não terem podido entrar no recinto. O presidente Chumbita Nunes foi um dos mais visados.
Os sadinos apresentaram, em relação à época anterior, seis caras novas no onze. Não foi por isso de estranhar a falta de automatismos.
Os vitorianos criaram a primeira ocasião de perigo ao terceiro minuto. Fábio, após cruzamento na direita de Sougou, desperdiçou de cabeça uma soberana ocasião. Aos 30 minutos, os mesmos protagonistas e o mesmo resultado. Faltou velocidade na hora da finalização.
Por seu turno, os pacenses nunca deixaram de visar a baliza de Moretto. Depois deste, aos 35 minutos, ter adiado o golo forasteiro, Fredy, um minuto volvido, após falha defensiva, colocou os pacenses em vantagem.
À medida que o tempo ia avançando eram cada vez mais visíveis as lacunas ofensivas dos anfitriões. Apesar da boa exibição de Sougou, a falta de um n.º 10 e de um matador – quem faz esquecer Jorginho e Meyong? – expunham as limitações da equipa. No reatamento, a equipa sadina entrou com maior dinâmica. Sougou e Dembelé (47’ e 48’) só não fizeram a igualdade porque Peçanha efectuou duas boas defesas. O croata Franja, que entrou aos 77’, ainda tentou a igualdade, mas por duas ocasiões o guardião contrário impediu-o.
A agravar o resultado desportivo, destaque para o facto de cinco sadinos terem saído com mazelas físicas deste jogo.
FICHA TÉCNICA
Local: Estádio do Bonfim, em Setúbal (5 mil espectadores)
Árbitro: Augusto Duarte (Braga)
V. SETÚBAL: Moretto, Janício, Auri, Fonte, Nandinho, Ricardo Chaves, Dembelé, Tchomogo (Heitor, 72m), Bruno Ribeiro (Lacombe, 31m), Sougou e Fábio (Franja, 77m). Treinador: Norton de Matos.
P. FERREIRA: Peçanha, Primo, Geraldo, Emerson, Fredy, Paulo Sousa, Tiago Martins (Edinho, 84m), Júnior, Edson (Luís Carlos, 89m), Pedrinha (Alexandre, 72m) e Ronny. Treinador: José Mota.
Marcador: 0-1 (Freddy, 36m)
Acção disciplinar:Cartão amarelo para Fredy (52m), Moretto (70m), Alexandre (80m) e Paulo Sousa (85m).
Melhor jogador:Peçanha
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)