Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Queiroz já sabe como não perder

Cabinda voltou a ser o centro das atenções na presente edição da Taça das Nações Africanas. Depois do atentado à selecção do Togo, na sexta-feira, ontem foi a vez de a província angolana acolher a estreia da superfavorita Costa do Marfim no... Grupo da Morte. Pela frente, a equipa de Vahid Halilhodzic tinha o Burkina Faso de Paulo Duarte.
12 de Janeiro de 2010 às 00:30
Drogba foi o jogador da Costa do Marfim mais perigoso, mas ficou em branco
Drogba foi o jogador da Costa do Marfim mais perigoso, mas ficou em branco FOTO: Rafael Marchante/Reuters

Duelo desigual, pensaram alguns, mas o empate a zero no final dos 90 minutos terá deixado Carlos Queiroz desconfiado. O seleccionador nacional fez questão de ver ‘in loco’ o primeiro adversário de Portugal no Mundial da África do Sul, mas ontem, nem Drogba conseguiu agitar o mais hiperactivo dos portugueses.

Os ‘elefantes’ fizeram orelhas moucas aos elogios da última semana, e só a espaços incomodaram um sempre atento Diakité. Koné, Gervinho e Drogba (que luxo, este tridente!) pecaram na finalização, para gáudio do antigo técnico da União de Leiria.

E foi da cidade do Lis que viajaram os dois principais destaques dos ‘garanhões’. Os defesas Panandetiguiri e Mamadou Tall, ambos jogadores de Lito Vidigal nos leirienses, mostraram-se capazes de outros voos, com desarmes providenciais ao nível dos grandes centrais da actualidade. Duas ‘torres’ para manter debaixo de olho.

FICHA DO JOGO

1.ª Jornada – Grupo B 11/01/2010

Estádio Chimandela – Assistência: 30 000

COSTA DO MARFIM

Boubacar Barry, Eboué, Siaka Tiene, Kolo Touré, Bamba, Didier Zokora, Yaya Touré, Cheik Tiote Dindane 81’), Bakari Koné (Kader Keita 68’), Gervinho (S. Kalou 73’), Didier Drogba.

Treinador: Vahid Halilhodzic

BURKINA FASO

Diakité, Panandétiguiri, Bakary Kone, Paul Koulibaly (Gnanou 46’), Mamadou Tall, Charles Kabore, Mahamoudou Kere, Jonathan Pitroipa, Florent Rouamba, Narcisse Yameogo (Bamogo 62’), Moumouni Dagano (Y. Koné 81’).

Treinador: Paulo Duarte

Árbitro: Kacem Bennaceur (Tunísia)

Disciplina: amarelos: Paul Koulibaly (26’), YayaTouré (71’), Panandétiguiri (74’)

Classificação do jogo: 4

POSITIVO E NEGATIVO, por

Augusto Inácio, Treinador da Naval

POSITIVO

Força física

"A Costa do Marfim impressiona, sobretudo, pela sua força física. Têm jogadores de elevado porte atlético. No mais, e de acordo com o que vimos hoje [ontem], é uma selecção perfeitamente ao alcance de Portugal. Esperava mais daquela que é por muitos considerada a mais forte selecção africana da actualidade."

NEGATIVO

Direita da defesa

"Apesar de Eboué ser um jogador de grande nível, nomeadamente pelas exibições conseguidas ao serviço do Arsenal, a verdade é que diante do Burkina Faso foi o elo mais fraco da equipa. Não defendeu bem e foi inconsequente a atacar. Possivelmente com ordens do treinador para não subir". 

OLHAR PORTUGUÊS

"EMPATE É MOTIVADOR", Paulo Duarte, Selec. do Burkina Faso

Correio da Manhã – Empatar com a Costa do Marfim no jogo de estreia foi um bom resultado?

Paulo Duarte – Foi um resultado psicologicamente motivador para chegar aos quartos-de-final. É muito importante o empate frente à Costa do Marfim, porque são fortes candidatos ao título.

– O que espera da próxima partida com o também favorito Gana?

– Outro bom jogo.

– Gostou da sua equipa?

– Tivemos um bom posicionamento em campo, mas o pressing não foi o melhor. E isso fez-nos sofrer até ao fim.

POLÍCIA ANGOLANA DETÉM DUAS PESSOAS EM CABINDA

A polícia angolana deteve ontem duas pessoas nos arredores de Cabinda, na sequência do ataque de sexta-feira contra o autocarro da selecção nacional do Togo.

Segundo o procurador da província, António Nito, será feita "nova comunicação assim que existirem mais informações". Fonte militar disse à Lusa que os dois detidos são residentes em Cabinda e próximos da FLEC, mas que não "participaram directamente no ataque".

Também ontem, o Estado-Maior da guerrilha de Cabinda declarou tréguas durante a realização da Taça das Nações Africanas (até dia 31 de Janeiro), tendo como principal objectivo "assegurar a defesa aos civis indefesos".

MALAWI VENCE ARGÉLIA (3-0)

O Malawi, selecção com pior ranking (99.º) na presente edição do CAN’2010, goleou ontem a Argélia por contundentes 3-0. A equipa de Halliche e Yebda, cuja presença na África do Sul está garantida, chegou à vantagem por Russel (17’). Kafoteka (35’) e Banda (49’) sentenciaram a partida. Com este triunfo, o Malawi assume a liderança do Grupo A, com 3 pontos.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)