Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

Queiroz quer magia

Carlos Queiroz não revelou se vai mexer na equipa que jogou em Malta e que defronta hoje (20h45, TVI) a Dinamarca, no segundo jogo do Grupo 1 da fase de qualificação para o Campeonato Mundial 2010. Ontem, na antevisão do encontro, no estágio em Óbidos, o seleccionador mostrou-se satisfeito com os dois primeiros jogos oficiais sob a sua orientação (5-0 frente às Ilhas Faroé e 4-0 sobre Malta) e respondeu aos críticos da Selecção.
10 de Setembro de 2008 às 00:30
Carlos Queiroz está radiante com o grupo e admite a “felicidade de ter 23 jogadores que merecem ser titulares”
Carlos Queiroz está radiante com o grupo e admite a “felicidade de ter 23 jogadores que merecem ser titulares” FOTO: Carlos Barroso

"Ganhar é uma coisa difícil no futebol. Ganhar e jogar bem é quase ópera. Ganhar, jogar bem e fazer nove golos em dois jogos já é magia. Isto é jogar um futebol entusiástico, de ataque, positivo, com entretenimento. Se os nossos jogadores cometeram algum erro foi terem jogado tão bem ao ponto das pessoas confundirem onde começa o mérito da selecção portuguesa, que impediu que duas equipas pudessem sequer expressar o seu futebol", desabafou Queiroz, que deixou o recado: "Dizer bem não paga impostos em Portugal."

Sobre o desafio de hoje em Alvalade, o seleccionador avisou que "o favoritismo não ganha jogos e em futebol o sucesso não é uma linha recta". E alertou: "Não se iludam com o resultado da Dinamarca na Hungria [empate a zero]."

Queirozrevelou que "todos os jogadores estão em forma" e assumiu que "se há um problema que tenho é ter de dizer a jogadores que merecem jogar que infelizmente não podem estar no onze".

"Se algum problema existe na selecção nacional neste momento é eu ter a felicidade de ter 23 jogadores que merecem e podem ser titulares", concluiu.

OLSEN ESPERA PONTUAR

Morten Olsen, seleccionador da Dinamarca, encara o jogo desta noite frente a Portugal com a clara intenção de levar pontos de Alvalade. "Esperamos levar alguma coisa daqui, pelo menos um ponto." O seleccionador nórdico sabe que vai defrontar um adversário cotado. "Portugal é uma das cinco melhores selecções europeias", disse Olsen, que gostava de ter Quaresma a jogar pela Dinamarca. No onze dos nórdicos vão estar Tomasson e Bendtner, recuperados de lesões.

NANI RECUSA COMPARAÇÕES COM RONALDO

"Não trabalho para comparar--me e superar o Cristiano Ronaldo. Tenho o sonho de um dia poder ser uma das maiores estrelas do futebol mundial e só trabalho todos os dias a pensar nisso", comentou Nani, evitando comparações com o colega de equipa na selecção e no Manchester United. O avançado aceitou, no entanto, fazer a comparação do trabalho de Queiroz como adjunto de Ferguson e seleccionador: "É um pouco diferente, porque aqui é o treinador principal e toma todas as decisões." Para Nani, Queiroz "está a fazer um excelente trabalho e tem bons métodos de treino". "Tem uma personalidade que os jogadores gostam, que é sentir um treinador que se impõe", afirmou.

APONTAMENTOS

TREINO

O seleccionador nacional abdicou de um treino em Alvalade, por achar que os jogadores já conhecem o estádio e o relvado e não querer perder um dia de trabalho com mais uma deslocação.

APELO

João Moutinho apelou aos adeptos para comparecerem no estádio do seu clube. "Todos esperamos e queremos que o estádio encha para nos apoiarem do princípio ao fim", declarou o médio.

DJALÓ

Yannick Djaló defendeu que os jogadores dos sub-21 "têm qualidade para desempenhar o trabalho". "Penso que não tenho feito falta lá", comentou o jovem avançado que transitou para a equipa principal.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)