Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

REGRESSO AO TRABALHO SEM O MÉDIO PETIT

A ausência do médio Petit foi a principal nota de destaque no regresso do Benfica ao trabalho, ontem à tarde, na Luz, apronto no qual o avançado angolano Pedro Mantorras voltou a estar em bom plano, formando dupla com Nuno Gomes na habitual peladinha que encerrou o treino.
23 de Setembro de 2002 às 23:54
O trinco dos “encarnados” foi dispensado pelos responsáveis benfiquistas a fim de tratar de assuntos de ordem particular, e falhou assim o primeiro treino de preparação com vista ao jogo com o Nacional da Madeira.

Refira-se que além de um 'bis' para Mantorras e Nuno Gomes durante a peladinha, também Roger fez o gosto ao pé com um tento de belo efeito. Quem parece cada vez mais perto da forma ideal é o outro avançado da equipa, o croata Tomo Sokota, que promete, a breve prazo, vir a dar muitas “dores” de cabeça a Jesualdo Ferreira. Isto porque com Mantorras, Nuno Gomes, Fehér e Sokota a cem por cento será difícil para o técnico escolher uma dupla atacante.

Quem não integrou este último exercício foi o guarda-redes Moreira, que após ter trabalhado à parte com o treinador de guarda-redes, Samir Shaker, efectuou alguns exercícios de alongamentos com o fisioterapeuta da equipa “encarnada”, Armando Jorge.

Rescisão de Paulo Madeira

O Benfica já recebeu o pedido de rescisão do contrato do defesa-central Paulo Madeira, jogador que constava da lista de “dispensáveis” do emblema da Luz. O pedido será agora analisado pelo departamento jurídico “encarnado”.

De acordo com João Malheiro, director de comunicação do clube, caberá agora aos advogados “encarnados” resolver a questão: “O Benfica recebeu o pedido de rescisão do contrato de Paulo Madeira. Esta matéria foi entregue ao departamento jurídico do Benfica e será analisada nas próximas horas".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)