Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

Bruno Fernandes volta ao Sporting sem aumento de ordenado

Jogador que tinha rescindido com justa causa aceitou voltar ao clube e diz que recusou aumento.
10 de Julho de 2018 às 12:30
Bruno Fernandes apresentado no Sporting
Bruno Fernandes
Bruno Fernandes
Bruno Fernandes apresentado no Sporting
Bruno Fernandes
Bruno Fernandes
Bruno Fernandes apresentado no Sporting
Bruno Fernandes
Bruno Fernandes
Bruno Fernandes foi apresentado esta terça-feira como jogador do Sporting, tornando-se no único dos nove atletas que rescindiram contrato a voltar a trás e a regressar ao clube.

"Neste momento estou preocupado com a minha pré-época e independentemente de quem vier para ser presidente, eu estarei disponível para representar o Sporting", disse Bruno Fernandes aos jornalistas.

"A parte mais importante é a segurança e foi-me garantido, pelo presidente Sousa Cintra, que estão a trabalhar para termos o máximo de segurança possível". 

Antes do atleta falar, Sousa Cintra, presidente interino da SAD, disse que Bruno Fernandes não pediu um aumento de ordenado. O próprio jogador diz ter recusado essa possibilidade.

"Sempre disse que não queria melhoria de contrato. Se o Sporting chegasse ao pé de mim e dissesse que queria aumentar o ordenado, os anos de contrato... Mas não fiz qualquer tipo de chantagem, sou apaixonado pelo que faço. Se fosse apenas pelo fator financeiro hoje não estaria aqui. Tive propostas, o Sporting achou que o valor oferecido não era suficiente e eu respeitei isso. Achei que o Sporting devia ter um retorno financeiro, não queria ser vendido ao desbarato. Se sair será pela porta grande. Tive muitas propostas e clubes que pagavam a cláusula de 100 milhões se fosse necessário. Os projetos financeiros que recebi eram muito melhores do que o que recebo aqui. Tinha motivos para a rescisão que eram mais fortes do que agora", assumiu na conferência de imprensa de apresentação esta terça-feira.

Contrato oficializado
O Sporting oficializou esta terça-feira a assinatura de um novo contrato com Bruno Fernandes, em comunicado à CMVM, o clube leonino garante o internacional português por mais cinco épocas e fica com uma clausula de rescisão de 100 milhões de euros.

Leia o comunicado na íntegra:


"A SPORTING CLUBE DE PORTUGAL – FUTEBOL, SAD (adiante SPORTING SAD ou Sociedade) vem, nos termos e para efeitos do cumprimento da obrigação de informação que decorre do disposto no artigo 248º-A, nº1 al. a) do Código dos Valores Mobiliários, informar o mercado que a Sociedade e o jogador Bruno Miguel Borges Fernandes
acordaram em celebrar, na presente data, um novo contrato de trabalho desportivo, válido por cinco épocas desportivas, nos termos do qual foi fixada uma cláusula de rescisão no valor de € 100.000.000,00."
desporto futebol Bruno Miguel Borges Fernandes SPORTING SAD PORTUGAL CMVM
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)