Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

Revolução no plantel sadino

O Vitória de Setúbal vai promover uma revolução no seu plantel, estando já confirmada a saída de 13 jogadores, numa lista que ficou definida em consonância com o novo treinador Carlos Carvalhal.
31 de Maio de 2007 às 00:00
Carlos Carvalhal terá palavra decisiva na definição do plantel
Carlos Carvalhal terá palavra decisiva na definição do plantel FOTO: Jorge Paula
Os jogadores que vão sair são os seguintes: João Paulo, Madior, Flávio, Mamadou, Nandinho, André Barreto, La Paglia, Rui Dolores, Labarthe, Ademar, Varela, M’Bamba e Ayew.
Quanto a reforços, depois de assegurado o empréstimo do extremo brasileiro Matheus, cedido pelo Braga, Carvalhal decidiu dar uma oportunidade a três ex-jogadores da equipa B: André Moretto, Sandro Vicente e Ricardo Queiroz.
Os próximos reforços chegarão, preferencialmente, do mercado brasileiro e através da cooperação com FC Porto, Sporting e Benfica, bem como com outros emblemas. “Equacionamos cooperações com todos os emblemas e também sabemos que o mercado brasileiro é muito vasto e atractivo”, disse ao CM Carlos Costa, líder da Comissão de Gestão do clube, frisando: “Todas as contratações e renovações serão realizadas em sintonia com o treinador Carlos Carvalhal”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)