Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

Roberto desnivelou

Duas hesitações do guarda-redes Roberto ficaram ligadas à primeira derrota do Benfica na pré-temporada, diante do Sion (2-1). Um dia depois do ensaio ligeiro frente ao modesto Monthey (3-0), o jogo com o quinto classificado da Liga suíça constituiu um teste mais intenso para a equipa de Jorge Jesus, claramente em défice físico, pelo atraso na preparação.
12 de Julho de 2010 às 00:30
Moreira é dos jogadores mais aplaudidos pelos adeptos benfiquistas
Moreira é dos jogadores mais aplaudidos pelos adeptos benfiquistas FOTO: Pedro Simões / Record

Se há um ano, em condições semelhantes, a diferença de qualidade técnica permitiu equilibrar a balança no marcador (2-2), desta vez isso não foi suficiente, principalmente pelas falhas de entendimento entre o reforço espanhol e a dupla de centrais. A primeira aconteceu logo aos 4 minutos e permitiu ao veterano Mpenza um golo caricato, típico deste futebol de Verão. A segunda, já depois de Aimar ter feito o empate, na sequência de um bom movimento de Jara na esquerda, chegou a 10 minutos do fim e permitiu a Prijovic fixar o resultado final.

Pelo meio, Jorge Jesus testou Airton a lateral-direito, voltou a dar 45 minutos de competição a Fábio Faria na esquerda e recolheu alguns indicadores positivos de Gaitán e Jara, que na segunda parte combinaram bem com Saviola (o mais esclarecido) e Aimar. O Benfica, mesmo em ritmo intermitente, até criou oportunidades suficientes para ganhar o jogo mas, ao contrário do Sion, encontrou no guarda-redes Vanins um adversário à altura.

'SEI QUEM SÃO OS MELHORES'

'Trabalho com os jogadores todos os dias e sei quem são os melhores. O Roberto está a conhecer os companheiros. Ainda não está adaptado à nossa forma de jogar mas estes treinos servem para isso mesmo.' Foi desta forma que Jesus respondeu aos apelos dos adeptos que gritaram por Moreira, após prestação menos conseguida de Roberto. Sobre a exibição, o técnico considerou-a 'interessante', mas lembrou a diferença de andamento das duas equipas.

REFORÇOS À LUPA

ROBERTO

Culpado por inteiro

Tarde para esquecer do espanhol. Culpado nos dois golos do Sion, denota inúmeras hesitações e uma insegurança assustadora a jogar com os pés. 

FÁBIO FARIA

Bem... adaptado

Passou de central diante do Monthey para lateral-esquerdo frente ao Sion. Melhorou a olhos vistos, ainda que não consiga deslumbrar. 

FRANCO JARA

Cansaço fatal 

Rendeu Kardec, que havia sido o melhor da equipa na 1.ª parte, mas não fez esquecer os bons apontamentos do brasileiro. Está desgastado. 

'NICO' GAITÁN

Craque franzino 

Tem pinta. Não se esconde e assume o jogo sem problemas, ainda que lhe falte alguma clarividência no último passe. Está a abrir o livro. 

FICHA DO JOGO

Jogo particular – 11/7/2010

Estádio Tourbillon (Sion)– Assistência: 6500

Golos: 1-0, Mpenza (4’),1 -1 Aimar (63’), 2-1 Prijovic (82’)

SION

Vanins, Dingsdag, Vanczak, Bühler, Sio, Dominguez, Ogararu, Serey Die, Lacerda, Marin, Mpenza.

JOGARAM AINDA: Zambrella, Yoda, Sauthier, Elmer, Prijovic

Treinador: Bernard Challandes

BENFICA

Roberto, Airton, Sidnei, David Luiz, Fábio Faria, César Peixoto, Javi García, Carlos Martins, Pablo Aimar, Saviola, Alan Kardec.

JOGARAM AINDA: Luis Filipe, Gaitán, Felipe Menezes, Weldon, Jara e Nuno Gomes

Treinador: Jorge Jesus

Disciplina: Amarelos: Aimar (23’), Marin (60’), Die (66’)

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)