Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Ronaldo aluga avião para estar presente no funeral

Quando se trata de apoiar as pessoas de que mais gosta, Cristiano Ronaldo não olha a meios. O futebolista alugou ontem um jacto para estar presente no funeral da mãe de Jorge Mendes.
15 de Julho de 2010 às 00:30
Por volta das 16h30, Ronaldo (à dir. de costas) chegou com a mãe e o cunhado ao Aeroporto Sá Carneiro
Por volta das 16h30, Ronaldo (à dir. de costas) chegou com a mãe e o cunhado ao Aeroporto Sá Carneiro FOTO: Daniel Rodrigues

Eram 12h30 quando CR9 chegou ao Aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto. O craque permaneceu juntamente com a mãe e o cunhado durante cerca de uma hora nas instalações e já só perto das 13h40 é que rumou num Mercedes alugado para Viana do Castelo.

Na chegada à igreja, Ronaldo tentou ao máximo não despertar atenções, no entanto a sua presença foi imediatamente notada. Visivelmente incomodado com o assédio dos fãs, o craque do Real Madrid optou por se refugiar na igreja e, já depois da cerimónia, saiu pela porta das traseiras. 'Os fãs estavam à porta à espera de autógrafos e ele pediu então ao padre para o deixar sair pelas traseiras', revelou ao CM um amigo de Jorge Mendes, que testemunhou o momento.

Menos de uma hora depois, CR9 já estava novamente no aeroporto, de onde viajou até ao Algarve.

CRAQUE REGRESSA À CASA DE FÉRIAS

Depois de ter apoiado o amigo Jorge Mendes, Cristiano Ronaldo regressou à casa onde está de férias com a família, em Vilamoura, no Algarve. O jogador viajou de jacto privado do Porto até Faro e foi transportado a casa num carro de aluguer. Chegou à moradia de luxo por volta das 17h20, ao lado da mãe, Dolores, e do cunhado Zé. À entrada da urbanização, o craque voltou a manifestar-se incomodado e tapou mesmo a cara com uma revista. Apesar de se tentar esconder, Ronaldo não conseguiu disfarçar que estava abatido.

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)