Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
3

Ronaldo: "Quero é ganhar a final"

Cristiano Ronaldo esteve esta terça-feira em foco na conferência de imprensa antes do embate com o Barcelona, na final da Liga dos Campeões, amanhã em Roma. O internacional português prepara-se para um duelo particular com LIonel Messi mas desvaloriza essa questão, preferindo falar nos objectivos do colectivo.
26 de Maio de 2009 às 19:03
Ronaldo confiante na conquista da segunda Champions consecutiva
Ronaldo confiante na conquista da segunda Champions consecutiva FOTO: d.r.

"Alguns jogadores da nossa equipa estiveram a grande nível ao longo de toda a época. Acho que não decide nada, esse duelo. Nem quero saber disso, quero é ganhar a Liga dos Campeões", começa por dizer.

Mudando para a língua portuguesa, a mesma resposta. "Respeitamos o Messi mas amanhã não vão haver duelos pessoais. Estou muito motivado, esta é uma final e as finais são para ganhar. Queremos ter o nosso lugar na história", ressalva.

"É normal falarem muito sobre mim, mas estou totalmente focado no jogo. Tenho de estar a cem por cento, irei tentar marcar um golo e vencer. Simples", remata Cristiano Ronaldo, garantindo ainda que está preparado para uma decisão nos castigos máximos.

Alex Ferguson: “Messi e Ronaldo são geniais”

Manchester United contra Barcelona ou Cristiano Ronaldo contra Messi? Os jornalistas colocaram inúmeras questões sobre esse duelo particular, agendado para a final da Liga dos Campeões, e Alex Ferguson não fugiu ao tema. O treinador considera que é redutor procurar as diferenças entre os dois craques.

"São dois jogadores fantásticos, com qualidade e coragem para continuar um jogo até ao fim. Têm qualidades diferentes, físicos diferentes, mas no fim de contas, como poderemos distinguir Ronaldo e Messi, querer compará-los? São os dois geniais", considera.

Ferguson promete respeitar diversas individualidades do Barcelona. "Na nossa perspectiva, teremos sempre oportunidade de marcar, porque somos sempre uma grande ameaça nesse aspecto. Temos de analisar o adversário e sabemos que o Messi é um jogador fantástico. Temos de respeitar os jogadores do Barcelona e será isso que iremos fazer amanhã", promete.

"Houve alturas em que podíamos ter feito melhor na Europa, temos oportunidade para fazer isso. Colocar o nosso nome entre os grandes clubes da Europa. Temos uma equipa ainda jovem e acredito que estes jogadores, com mais alguma experiência, poderão fazer muito melhor no futuro. Temos de jogar bem para vencer, acho que essa é a chave. Precisamos também de concentração máxima e alguma sorte nos momentos decisivos", explica.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)