Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
3

SAD do Estoril Praia vendida a off-shore

A Lagos Soccer anunciou à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) que está a negociar a venda de 74 por cento do capital social da sociedade anónima desportiva (SAD) do clube de futebol Estoril Praia à Traffic Sports Europe, sociedade detida por off-shores controladas pelo brasileiro José Hawilla.
13 de Agosto de 2010 às 12:45
José Hawilla confirma-se como patrão do Estoril Praia
José Hawilla confirma-se como patrão do Estoril Praia FOTO: D.R.

Segundo o comunicado à CMVM, a Lagos Soccer e a Traffic Sports Europe estão "ainda a discutir os exactos termos e condições da aquisição" da participação no capital social da SAD do clube que este ano vai disputar a Liga Orangina, segundo escalão do futebol profissional português.

A Traffic Sports Europe tem como sócias a Traffic Sports Europe BV, com sede na Holanda, e a Traffic Sports International, constituída no paraíso fiscal das Ilhas Virgens Britânicas.

Ambas são detidas pelo brasileiro José Hawilla, único accionista da Telesports Inter, também com sede nas Ilhas Virgens Britânicas, que por sua vez detém a Continental Sports Marketing, instalada nas Ilhas Caimão, outro paraíso fiscal para off-shores.

A Traffic Sports Europe está a gerir o futebol profissional do Estoril Praia desde o início da temporada de 2009/2010, tendo colocado vários futebolistas no plantel, como o médio brasileiro Lulinha, agora transferido para o Olhanense.

Em Maio, João Lagos, da Lagos Soccer, já tinha admitido o cenário da venda da SAD do Estoril Praia à Traffic, dizendo que o objectivo passava por entregar o clube a "pessoas competentes".

Dirigida pelo ex-jornalista desportivo José Hawilla, a Traffic Sports é parceira, entre outros clubes, do Palmeiras. Detém o clube brasileiro Desportivo e o norte-americano Miami FC, por onde passaram Tony Taylor e Arguez, que fazem parte do plantel do Estoril Praia.

A SAD do Estoril Praia chegou a ser detida por José Veiga, passando para sociedades off-shore quando este dirigiu o futebol do Benfica. Desde a temporada de 2004/2005, na qual o Estoril Praia aceitou jogar contra os encarnados - futuros campeões nacionais - no Estádio do Algarve, nunca mais disputou a primeira divisão.

Ver comentários