Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

SADINOS DÃO SHOW DE FUTEBOL EM BRAGA

O Sp.Braga foi ontem dizimado no seu reduto, sucumbindo por 3-2 frente ao V. Setúbal, num confronto da 7.ª jornada da SuperLiga, que apesar de não encerrar em si o peso da tradição, angariou argumentos mais do que suficientes para despertar a emoção do público.
23 de Outubro de 2004 às 21:00
O primeiro lance de verdadeiro perigo surgiria pelo pé de Abel, que numa incursão pelo lado direito, após uma boa abertura de espaço efectuada por Paulo Sérgio, rematou forte, mas falhou a pontaria.
Porém, contra todas as expectativas, seriam os visitantes a inaugurar o marcador, com um fantástico golo de Jorginho, que trabalhou bem o lado direito do seu ataque e desferiu um pontapé certeiro, surpreendendo a baliza do guardião da casa.
O golo do V. Setúbal vem revolucionar o desempenho do Braga, que não se fez rogado e deu a volta ao marcador em apenas um minuto
Uma façanha iniciada por João Tomás, três minutos após o golo de Jorginho, e continuada por Wender levando ao rubro o público do Municipal de Braga, depois de surpreender os adversários com um magnífico chapéu de fora da área.
Porém, na segunda parte, os sadinos recuperaram força e agressividade e revelaram-se demolidores. Logo à passagem do oitavo minuto da segunda parte, acabam por gorar as esperanças dos minhotos e voltam a conquistar a igualdade, através de Manuel José, na sequência de um livre directo. A partir daí só deu Vitória, que comprovou o valor do seu contra-ataque, desmoralizando por completo o Braga com um terceiro golo de Ricardo Chaves.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)