Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
8

Saída de Jutta Kleinschmidt abre portas a Carlos Sousa

O piloto português Carlos Sousa, que tem estado em negociações para garantir um lugar numa das equipas mais fortes de todo-terreno, poderá vir a ter uma forte possibilidade de preencher a vaga deixada em aberto na equipa Volkswagen com saída da alemã Jutta Kleinschmidt.
3 de Maio de 2006 às 00:00
Num comunicado ontem divulgado, a Volkswagen Motorsport anunciou o fim da sua ligação à piloto alemã, de 43 anos, que em 2001 se tornou na primeira mulher a vencer o ‘Dacar’ e no ano passado terminou a lendária prova africana na terceira posição, ao volante de um Race Touareg-2. Na mesma nota são confirmados como pilotos oficiais o espanhol Carlos Sainz e o sul-africano Giniel de Villiers, ficando em aberto os dois lugares que eram de Jutta Kleinschmidt e do francês Bruno Saby.
A possibilidade de Carlos Sousa ficar com um desses lugares foi discutida na passada semana durante a deslocação a Lisboa do director da Volkswagen Motrosport, Kris Nissen, a quem foi apresentada uma proposta, numa reunião mediada pelo empresário João Lagos, no sentido do piloto português poder vir conduzir um dos Race Touareg da equipa oficial já na próxima edição do Lisboa-Dacar.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)