Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

Sandro fez justiça a 3 minutos do fim

Um golo de Sandro, a três minutos do final do encontro, evitou ontem a derrota do Barreirense (1-1), no jogo que marcou o regresso da equipa da margem sul do Tejo ao segundo escalão do futebol português.
29 de Agosto de 2005 às 00:00
Só na 2.ª parte o Barreirense conseguiu ser superior ao Vizela
Só na 2.ª parte o Barreirense conseguiu ser superior ao Vizela FOTO: Carlos Patrão/Record
O conjunto orientado por Rui Bento revelou nervosismo, fruto da juventude de muitos dos seus jogadores. E sofreu um golo logo aos 18 minutos de jogo, apontado por Nuno Cavaleiro, que deu sequência a um passe de Moacir para as costas do lateral Bruno Simão.
Os vizelenses souberam depois organizar-se no campo, de forma a roubar espaço de manobra à formação do Barreiro e dessa forma foram levando o jogo, sem que os adversários conseguissem inverter o rumo dos acontecimentos.
Por mais de uma vez, o 0-2 esteve iminente, com o perigo a chegar, quase sempre, pelas acções do experiente Bock, que ia beneficiando da deficiente cobertura da defensiva local. Na segunda parte, a equipa do Barreirense rectificou algumas situações e conseguiu sacudir os momentos de pressão a que foi submetida nos 45 minutos anteriores. Começou a criar situações, nomeadamente Mário Pessoa, após jogada individual de Joerson.
Rui Bento reforçou então no ataque, com as entradas de Moreira e Sandro. Mas o golo continuava sem aparecer e o tempo corria velozmente. Até que a três minutos do fim chegou o festejado empate, conseguido por Sandro, a conferir alguma justiça ao marcador.
SPORTING DA COVILHÃ É O LÍDER ISOLADO
Com apenas duas jornadas cumpridas, já há um guia isolado na Liga de Honra. Trata-se do Sporting da Covilhã, que ascendeu esta época ao segundo escalão do futebol português, e é a única equipa que venceu os dois jogos realizados. De resto, a jornada foi marcada pelos empates, nada menos de cinco em sete jogos. Apenas o Sporting da Covilhã e o Beira-Mar lograram vencer os respectivos jogos, e mesmo assim por margens tangenciais.
O Estoril, que na passada semana vencera categoricamente o Portimonense, não jogou esta semana, em virtude de ainda não estar designada a equipa em falta nesta divisão.
Pela negativa, o destaque vai, para já, para o Feirense, que perdeu os dois jogos realizados.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)