Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
7

Scholes vai integrar equipa técnica do Man. United

Paul Scholes abandonou esta terça-feira os relvados, mas já tem novo desafio. Após 19 anos sempre com a camisola do Manchester United, o inglês mantém-se fiel ao clube e vai integrar a equipa técnica de Alex Ferguson, que já lamentou a sua saída.
31 de Maio de 2011 às 16:48
Em 19 anos de carreira profissional, Paul Scholes só conheceu uma camisola: a do Manchester United
Em 19 anos de carreira profissional, Paul Scholes só conheceu uma camisola: a do Manchester United FOTO: Eddie Keogh/Reuters

“Não sou um homem de muitas palavras, mas posso dizer, honestamente, que jogar futebol foi o que sempre quis fazer e ter uma carreira tão longa e com tanto sucesso no Manchester United foi uma grande honra. Ter feito parte da equipa que ajudou o clube a conquistar o seu 19.º título inglês foi um grande privilégio”, afirmou Scholes, em declarações no site oficial dos ‘red devils’.

Na hora da despedida, o médio não esqueceu os agradecimentos em particular de Ferguson com quem sempre trabalhou no clube inglês. “Quero agradecer aos adeptos pelo apoio tremendo ao longo da minha carreira. Também quero agradecer a todos os treinadores e jogadores com quem trabalhei. Mas acima de tudo, queria agradecer a Sir Alex por ser um treinador grandioso. A porta dele esteve sempre aberta desde que entrei para a equipa e sei que vai continuar a ganhar muitos mais títulos”, escreveu ainda.

Os elogios foram retribuídos pelo técnico dos ‘red devils’, que lamentou a retirada: “Vamos sentir a falta de um jogador inacreditável. Scholes foi sempre um atleta que inspirava jogadores de todas as idades e sabemos que irá continuar a fazer o mesmo noutro papel”.

Ex-jogador e técnico vão agora encontrar-se lado a lado. Scholes vai continuar a defender as cores do Man. United mas na equipa técnica.

Também o ex-colega de equipa Wayne Rooney lamentou a decisão: “Vamos sentir muito a sua falta. Ele é definitivamente o melhor jogador com quem actuei. Todos ficámos tristes por vê-lo parar”.

Antes de Scholes, já o guarda-redes holandês Edwin van der Sar, de 40 anos, tinha anunciado que o ponto final da sua carreira seria colocado na partida disputada em Wembley.

paul scholes manchester united jogador futebol inglaterra
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)