Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
3

Sete Tours sem vencedor

O director da Volta à França, Christian Prudhomme, defendeu ontem que não sejam reatribuídos os títulos das sete edições (1999 a 2005) conquistadas por Lance Armstrong, que foi sancionado por doping pela Agência Antidopagem dos EUA (USADA).
13 de Outubro de 2012 às 01:00
Lance Armstrong acusado de estar no centro do maior escândalo de doping da história
Lance Armstrong acusado de estar no centro do maior escândalo de doping da história FOTO: gero breloer/epa

"Não nos podemos mostrar indiferentes ao que a USADA revelou esta semana. Foi desenhado um quadro condenatório", vincou, referindo-se ao relatório que acusa Armstrong de ter liderado um sistema "sofisticado" de dopagem na sua equipa.

O norte-americano foi irradiado pela USADA, que lhe anulou os resultados obtidos entre 1999 a 2005, mas a sanção ainda não foi validada pela União Ciclista Internacional (UCI). Ontem, o líder da UCI, afirmou, em Pequim, que o organismo "tomará uma decisão em 21 dias".

Também ontem, Sérgio Paulinho, ex-colega de equipa de Armstrong, assegurou que nunca viu "nada de anormal, nem na Astana, nem na RadioShak" e lembrou que o texano nunca teve um controlo positivo.

No processo da USADA, 11 ex-colegas de Armstrong acusaram-no de se dopar e de fomentar a cultura de substâncias proibidas nas suas equipas.

UCI Ciclismo USADA Lance Armstrong
Ver comentários