Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Show sul-americano em vitória merecida

O‘dragão’ mostrou poder de fogo na apresentação oficial da equipa aos sócios, com uma vitória categórica por 3-0, sobre o Espanhol de Barcelona. E se se pode dizer que a equipa espanhola não foi um grande obstáculo, também é verdade que os azuis-e-brancos mostraram já bons mecanismos de jogo, com destaque para os reforços Lisandro Lopez e Jorginho, que bisou na partida.
14 de Agosto de 2005 às 00:00
Jorginho voltou a mostrar qualidade: ontem foram mais dois golos
Jorginho voltou a mostrar qualidade: ontem foram mais dois golos FOTO: Estela Silva/Lusa
O jogo decorreu em toada morna, sem grandes acelerações de ritmo, mas o FC Porto soube sempre controlar a partida, em grande parte devido à boa rotação da bola e permutas constantes entre os jogadores do ataque, que confundiam, e de que maneira, os defesas espanhóis. Foi na sequência de um desses lances que Lisandro Lopez foi à linha de fundo no lado direito, e serviu a preceito Jorginho, que, qual ponta-de-lança, finalizou de cabeça. A primeira parte não teve muitos mais motivos de interesse.
Na segunda metade, com a entrada de Alan e Diego, e com os ‘dragões’ a jogarem sem um ponta-de-lança fixo na área, os portistas apresentaram-se mais soltos e as jogadas de ataque, com boas triangulações, resultaram em mais dois golos. O segundo por Jorginho, depois de uma bela jogada da asa esquerda, e o terceiro com um remate em ‘folha seca’ do argentino Lucho Gonzalez, um dos maestros do meio-campo que ontem se estreou a marcar com a camisola portista.
FICHA TÉCNICA
Local: estádio do Dragão (37.117 espectadores)
Árbitro: Paulo Costa (Porto)
FC Porto: Vítor Baía, Sonkaya, Ricardo Costa, Pedro Emanuel, César Peixoto, Lucho, Raul Meireles, Hélder Postiga, Jorginho, Lisandro, McCarthy. Jogaram ainda: Diego e Alan. Treinador: Co Adriaanse.
ESPANHOL: Kameni, Lopo, David Garcia, Pochettino, Jarque, Jofre, Costa, De la Peña, Riera, Zabaleta, Tamudo. Jogaram ainda: Moisés, Jonathan, Coro e Fredson. Treinador: Miguel Angel Lotina.
Marcador: 1-0, Jorginho (25m); 2-0, Jorginho (74m ); 3-0, Lucho, (88m)
Acção disciplinar: Amarelos - McCarthy (56m), Lopo (90m) e Costa (93m)
ELOGIOS A DIEGO E CÉSAR PEIXOTO
Co Adriaanse era no final do jogo um homem feliz com o desempenho da equipa, especialmente nos últimos 20 minutos, período em que os azuis-e-brancos mostraram melhor rendimento. Todavia, o holandês deixou ficar no ar a ideia de que para o primeiro jogo da SuperLiga, domingo, com o Estrela da Amadora, pode haver mudanças.
“Diego pode entrar na equipa. Hoje foi um óptimo reforço na segunda parte”, disse Co Adriaanse. Ainda sobre o brasileiro, o treinador portista gostou da maturidade do médio. “Quem o vê jogar não parece ter 20 anos, mas 26”, disse.
O treinador holandês não deixou de elogiar a adaptação de César Peixoto à posição de lateral-esquerdo. “Estou muito satisfeito com ele, parecia já ter feito 50 jogos naquela posição”, afirmou. O técnico disse que a aposta é para manter, uma vez que para o lugar apenas tem Leandro, mostrando claramente que Nuno Valente não conta. Pedro Emanuel também estava confiante: “Não queremos dar hipóteses no campeonato”.
APONTAMENTOS
DEFESA PORTISTA
Muito se falou dos problemas da defesa que reprovou nos testes ingleses. Ontem, a fraca réplica não permitiu ilações.
ESPANHOL MACIO
O adversário revelou-se ideal. Macio e pouco acutilante, a equipa catalã deixou uma pálida imagem do seu real valor.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)