Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Sobrou a frieza e faltou a emoção

Vitória tranquila num jogo frio e sem ponta de emoção manteve ontem o Sporting na primeira linha da classificação da Liga, líder por um dia, frente a um decepcionante Marítimo, cuja matriz tropical acusou sobremaneira a baixíssima temperatura, que também pode ter estado na base das lesões sofridas por Miguel Veloso e Abel.
11 de Janeiro de 2009 às 00:30
Liedson (na foto com o insular Van der Linden) marcou ontem o golo n.º 127 com a camisola do Sporting
Liedson (na foto com o insular Van der Linden) marcou ontem o golo n.º 127 com a camisola do Sporting FOTO: António Cotrim/Lusa

Vukcevic (11’) e Liedson (82’) marcaram os golos em dois lances de conclusão dentro da pequena área, facilidades que não abonam a opção de reforço defensivo central do treinador Lori Sandri.

O objectivo era ‘secar’ Liedson, mas o brasileiro fabricou o primeiro tento e concluiu o segundo, num movimento instintivo que fez dele o maior goleador estrangeiro da história do Sporting (127 golos), ultrapassando Yazalde (126 golos).

Ao colocar-se em vantagem muito cedo, o Sporting optou por uma estratégia de controlo de jogo em ritmo moderado, concentrando forças a meio-campo e esperando por possibilidades de ataque rápido que, contudo, raramente surgiram. O treinador do Marítimo foi muito lesto a perceber a falta de profundidade da sua equipa e substituiu o avançado posicional (Baba) por um jogador mais rápido (Manú), ficando com um tripé ofensivo de grande mobilidade. Mas só em teoria, porque Paulo Bento foi recuando ainda mais a equipa e roubou espaços de desmarcação às gazelas madeirenses, conseguindo chegar ao intervalo sem Rui Patrício ter sido importunado. Era um jogo tacticamente interessante, mas muito macio e pouco competitivo, com o correr do tempo a favorecer a gestão da vantagem, permitindo inclusive que Rochemback entrasse a frio, substituindo o lesionado Veloso, e conseguisse de imediato engrenar na velocidade geral.

A partida arrastou-se fria e irritante, mal jogada q.b., com jogadores pouco inspirados e incapazes de fazer um jogo sequencial e coerente, com o Sporting a aceitar a improfícua circulação de bola dos madeirenses.

Hélder Postiga apareceu na segunda parte em dois ou três lances, chegou a obrigar Marcos a uma defesa de recurso (61’), mas as contingências do encontro voltaram a favorecer a toada de controlo dos leões, quando Olberdam se fez expulsar aos 66 minutos.

Sem forçar e chegando a dar algum espaço ao adversário, o Sporting veio a alcançar o golo habitual de Liedson, na fase final, graças a uma boa iniciativa de Pereirinha, num raro lance de ataque em profundidade, pelo flanco direito.

ANÁLISE

ESPÍRITO VUKCEVIC

Vukcevic ainda não atingiu a forma técnica ideal, mas empresta à equipa leonina uma agressividade e um espírito positivo que lhe faziam muita falta.

MARÍTIMO INOFENSIVO

Mais de uma hora de jogo sem conseguir fazer um remate à baliza – tal é o retrato de um Marítimo sem ponta de competitividade nem ideias de ataque.

SPORTING POUPADO

Faltaram amarelos para ‘Roca’ (pisou Paulo Jorge sem bola) e para Izmailov (mão), que seria o segundo.

A FICHA

LIGA – 14.ª Jornada – 10/01/09

Estádio José Alvalade – Assistência: 20 462

SPORTING 2 - 0 MARÍTIMO

Golos: 1-0 Vukcevic (11’) 2-0 Liedson (82’)

SPORTING: Rui Patrício 6, Abel 4, Pedro Silva (48’) 3, Grimi 5, Anderson Polga 6, Caneira 6, Miguel Veloso 3, Rochemback (29’) 6, João Moutinho 6, Izmailov 6, Vukcevic 6, Pereirinha(76’) 4, Liedson 7, Hélder Postiga 5. TREINADOR: Paulo Bento

MARÍTIMO: Marcos 6, Fernando 3, João Guilherme 3, Van der Linden 4, Paulo Jorge 3, B. Fogaça (76’) 1, Miguelito 4, Olberdam 4, Bruno 4, Marcinho 4, Djalma 3, João Luiz (70’) 2, Baba 2, Manu (21’) 4. TREINADOR: Lori Sandri

Árbitro: Lucílio Baptista (Setúbal) 6

Disciplina: amarelos: Grimi (42’), Djalma (45 2’), Olberdam (52’ e 66’), Izmailov (60’), Caneira (78’) vermelho: Olberdam (66’)

Classificação do jogo 5

PAULO BENTO DESTACA DEFESA DO SPORTING: "APRESENTÁMOS NÚMEROS DE UMA EQUIPA QUE PODE SER CAMPEÃ"

"O Sporting está a passar por um bom momento. Desde o jogo com o Leixões  (0-1), apenas perdemos com o Barcelona e empatámos com a Académica. Em termos defensivos, a equipa apresenta números de uma equipa que pode  ser campeã. Em termos ofensivos, tem um volume de jogo bom, mas ainda não  tem a eficácia que deveria ter", disse hoje Paulo Bento, momentos depois de o Sporting vencer o Marítimo, por 2-0, e ter subido à liderança da Liga.

Sobre a partida com os insulares, o técnico afirmou que os leões  “dominaram” na maior parte do tempo   “Globalmente, estou muito satisfeito com a equipa, com a entrega dos  jogadores", assegurando que o anúncio da não recandidatura  do presidente Filipe Soares Franco não afectou a equipa, "nem vai afectar".

Depois, Bento desvalorizou a subida do Sporting á liderança no campeonato, lembrando que FC Porto e Benfica jogam hoje, os portistas com o Trofense (20h45, Sporttv1), no Dragão,  e os encarnados frente ao Sp. Braga, na Luz (18h30, Sportv1). "É muito difícil falar dessa situação, não sabendo o que vai acontecer  amanhã (domingo). Temos de continuar o nosso caminho, que é o temos vindo  a fazer. Aconteça o que acontecer amanhã, continuamos a depender apenas  de nós próprios”, observou.

ELOGIOS A LIEDSON

Paulo Bento deixou ainda alguns elogios para o avançado Liedson, autor  do segundo golo dos leões diante do Marítimo: “Não só pela eficácia, mas  também por outros atributos, é um grande ponta-de-lança. Mas Liedson tem a ambição de fazer mais”.

AVANÇADO MARCA GOLO 127 E ENTRA NA HISTÓRIA DO SPORTING

Liedson marcou ontem o golo nº 127 com a camisola do Sporting e ultrapassou o argentino Yasalde (126) que brilhou em Alvalade na primeira metade da década de 70, no século passado.

O avançado brasileiro entrou para a história dos leões, tornando-se o jogador estrangeiro que mais golos marcou.

Frente ao Marítimo, Liedson apontou o segundo golo na vitória verde e branca, o sexto na Liga.

LISTA DE MELHORES MARCADORES

Ver comentários

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)