Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

Sonho da vitória traído pelo cansaço

Portugal perdeu ontem com a Roménia na despedida do Mundial de râguebi, mas esteve muito perto do sonho da primeira vitória. Os Lobos ainda lideraram o marcador durante 45 minutos, mas o cansaço e a experiência romena revelaram-se decisivos para a derrota portuguesa.
26 de Setembro de 2007 às 00:00
João Correia (à esq.) e Joaquim Ferreira estiveram perto de vencer pela primeira vez neste Mundial
João Correia (à esq.) e Joaquim Ferreira estiveram perto de vencer pela primeira vez neste Mundial FOTO: Jean-Philippe Arles, Reuters
Mais contidos a cantar o hino, os jogadores portugueses pareceram guardar todas as energias para o encontro. Apoiados na coesão defensiva, os jogadores entraram bem. O ensaio de Joaquim Ferreira (que realizou o último jogo na Selecção), aos 18’, deu asas à ambição de vencer e Cardoso Pinto marcou o pontapé de conversão.
Na segunda parte, os Lobos regressaram concentrados, mas o cansaço e a pressão romena intensificaram-se, e aos 63’ chegou o empate (7-7) por Tincu. Gonçalo Malheiro ainda deixou Portugal na frente com um pontapé de penalidade (10-7), mas foi uma questão de tempo até a força romena quebrar a resistência portuguesa. Aos 72’, Corodeanu e Dumbrava fecharam o resultado (14-10). “Não fomos inferiores à Roménia. A prestação foi brilhante e dignificámos o râguebi português”, disse o seleccionador Tomaz Morais.
Já Joaquim Ferreira, autor do único ensaio dos Lobos, queixou-se da falta de sorte.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)