Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
3

Sp. Braga obrigado a vencer

O Sporting de Braga está obrigado a vencer amanhã, em casa, os suíços do Grasshoppers, treinados pelo ex-jogador do Sporting Krasimir Balakov, para seguir em frente na Taça UEFA.
13 de Dezembro de 2006 às 00:00
Com apenas três pontos no Grupo C, a equipa de Rogério Gonçalves sabe que os espanhóis do Sevilha e os holandeses do AZ Alkmaar estão já nos 16 avos-de-final e que apenas um triunfo sobre os suíços possibilita a ultrapassagem ao Liberec, actualmente no terceiro posto, com mais dois pontos que os bracarenses, mas em ronda de folga.
Por isso mesmo, a depender apenas de si, a formação minhota tem de vencer o Grasshoppers, que, nos três jogos já disputados, sofreu outras tantas derrotas, com apenas três golos marcados e já 13 sofridos.
“Não vai ser um encontro fácil... o Grasshoppers é uma boa equipa, de características muito ofensivas, e vem a Braga jogar sem preocupações, pois já estão fora da luta pelo acesso à próxima fase da competição”, afirmou ontem o defesa esquerdo Carlos Fernandes.
No entanto, o jogador está confiante na vitória e referiu que o encontro de amanhã “pode ser a confirmação de mais um feito histórico”.
O Sp. Braga realizou ontem mais um treino de preparação para o encontro da Taça UEFA e Rogério Gonçalves contou já com a participação de Maciel.
O brasileiro deverá estar apto para o embate de amanhã, estando ainda em dúvida Paulo Jorge e Césinha, que realizaram treino integrado, mas condicionado. Madrid mantém tratamento, trabalho de ginásio e piscina, e o guarda-redes Paulo Santos apenas realizou trabalho de ginásio.
Hoje, o plantel minhoto realiza o último treino antes da partida.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)