Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
8

Trapattoni perde e pode ser demitido

Pode ter chegado ao fim o ‘reinado’ de Giovanni Trapattoni no Estugarda da Alemanha. O presidente do clube germânico deu um mês ao técnico para apresentar resultados e o máximo que ‘Trap’ alcançou foi uma vitória e um empate em cinco encontros. Ontem parece ter sido a ‘gota de água’ depois da derrota (0-2) caseira aos pés do Shakhtar Donetsk (Ucrânia) para a Taça UEFA.
4 de Novembro de 2005 às 00:00
Trapattoni desesperou com nova derrota do Estugarda
Trapattoni desesperou com nova derrota do Estugarda FOTO: Kai Pfaffenbach/Reuters
No final do jogo, dominado pela turma de ‘Trap’ (Meira jogou os 90’), mas onde a equipa ucraniana soube aproveitar as poucas oportunidades de golo (Fernandinho 32’ e Marica 88’ fizeram os golos da formação forasteira), os adeptos e sócios do Estugarda despediram-se da ‘Velha Raposa’ com os famosos ‘lenços brancos’.
O ex-técnico dos ‘encarnados’ está assim com um pé de fora do clube alemão e até já se fala num possível sucessor, nomeadamente Otto Rehhagel, que se sagrou campeão europeu de selecções pela Grécia, mas que não conseguiu o apuramento para o Mundial da Alemanha.
V. GUIMARÃES ASSISTIU DE FORA
Isento desta segunda jornada da fase de grupos, o Vitória de Guimarães assistiu ontem no ‘sofá’ às vitórias do Bolton e do Sevilha sobre o Zenit de São Petersburgo (que levou de vencida os vimaranenses na primeira jornada, 2-1) e o Besiktas, respectivamente.
Com Ricardo Vaz Tê no banco, coube a Nolan marcar o único golo do Bolton, aos 24’. Com esta vitória, os ingleses distanciaram-se no Grupo H com sete pontos.
Já o Sevilha (Saviola 64’ e Kanoute 65’ e 89’) ascendeu ao segundo posto com os mesmos pontos (3) do Zenit. O V. Guimarães ocupa o último lugar, com zero pontos.
Nos outros jogos da noite destaque para o empate (0-0) do detentor do troféu, CSKA Moscovo, no campo do Heerenveen e para a expressiva vitória (5-0) dos franceses do Lens sobre o Halmstads, estes últimos que na fase de apuramento ‘empurraram’ o Sporting para fora das competições europeias.
Ver comentários