Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

Trio sportinguista à espreita da vaga de Pedro Gonçalves

Goleador só joga no sábado se recuperar a 100%. Jovane, Tiago Tomás e Tabata são as alternativas.
João Moniz 25 de Novembro de 2020 às 09:22
Pote recebeu ontem os prémios de melhor jogador e melhor médio nos meses de setembro e outubro
Pote recebeu ontem os prémios de melhor jogador e melhor médio nos meses de setembro e outubro FOTO: Direitos Reservados
Se Pedro Gonçalves não recuperar da lesão no joelho direito a tempo de jogar com o Moreirense no sábado, em Alvalade, o seu lugar na frente de ataque do Sporting deverá ser ocupado por Jovane Cabral, Tiago Tomás ou Tabata.

Pote voltou a não treinar esta terça-feira, dia em que recebeu os prémios da Liga para melhor jogador e melhor médio nos meses de setembro e outubro. O futebolista de 22 anos fez apenas ginásio e tratamento a uma contusão. O problema surgiu no treino de sábado, quando levou uma pancada no joelho direito. Queixou-se de dores no domingo e tem sido reavaliado diariamente desde então. As perspetivas de recuperar a tempo da 8ª jornada da Liga são boas, mas o CM sabe que Rúben Amorim só irá apostar no melhor marcador da equipa e do campeonato, com sete golos, se este estiver a 100%.

O treinador, apurou o CM, promove o conceito de que não há insubstituíveis no plantel como forma de manter todos os jogadores motivados e prontos a jogar. E confia nas opções à sua disposição: Jovane Cabral parte à frente de Tiago Tomás e Tabata para acompanhar Nuno Santos e Sporar no ataque.

João Mário na telescola
João Mário esteve esta terça-feira na telescola, como convidado da aula de Educação Física para alunos do 3º ciclo. O médio do Sporting falou do seu percurso e deixou conselhos a quem quer ser futebolista. “Tento sempre encontrar motivação, consciente de que nada se consegue sem sacrifício. Além do trabalho, há a componente mental. É fundamental acreditarmos, não desistirmos, persistirmos. Nada vem sem trabalho”, disse o jogador.
Ver comentários