Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

UM MÁGICO PARA SCOLARI

Se ainda existissem dúvidas, ontem ficaram desfeitas: Deco é português, tem talento e foi convocado pelo seleccionador nacional, Luiz Felipe Scolari, para defrontar o Brasil, dia 29, nas Antas. O técnico brasileiro deixou claro que não queria entrar em polémicas, furtando-se assim comentar as críticas de Figo e Rui Costa, mas não pôde evitar as muitas perguntas sobre a chamada do número 10 do FC Porto.
21 de Março de 2003 às 00:00
Quando questionado sobre eventuais ‘desentendimentos’ no balneário como consequência desta decisão, o técnico foi peremptório: “Não considero a integração de um jogador um problema. Cada um tem a sua ideologia, o seu pensamento e expressa-o porque não queremos jogadores como vaquinhas de presépio. Cada um expressa o seu pensamento, mas existe uma liderança e um comando que é o meu”.

Apesar de nunca mencionar os nomes de Figo e Rui Costa, Scolari deixou claro que se detectar, ou alguém manifestar, algum mal estar, as portas da saída estão abertas. “Quem não estiver entrosado num grupo e não se sentir bem, através da minha observação ou da sua solicitação, não permanecerá”, afiançou.

COMPATÍVEL COM RUI COSTA

Outra questão levantada no decorrer da conferência realizada no Jamor, foi o facto de Deco jogar na mesma posição que Rui Costa, o que leva a crer que um dos dois terá que ficar de fora. Errado, diz Scolari: “Jogam na mesma posição? Sim. São versáteis? Sim. No Milan, Rivaldo joga com Rui Costa, no FC Porto Deco joga com um segundo homem no meio, em determinados momentos pode haver a colocação dos dois juntos”.

Esta versatilidade é uma das razões que levaram a que o seleccionador brasileiro chamasse o médio portista: “Tem versatilidade, uma boa qualidade técnica, um remate ao golo muito potente, jamais aceita uma bola como perdida, procura sempre uma alternativa, é útil a uma selecção ou a uma equipa como o Porto. E pode, à medida que se ambientar, render muito mais do que tem rendido na sua equipa”, concluiu.

Além da integração de Deco, a convocatória anunciada ontem por Luiz Felipe Scolari regista ainda uma estreia (Maniche) e dois regressos (Mário Silva e Nuno Gomes). Entretanto, os jovens Tiago (Benfica) e Hélder Postiga (FC Porto) foram cedidos aos sub-21 para ajudar a formação ‘esperança’ a garantir o apuramento para o Europeu.

São os seguintes os convocados de Scolari: Paulo Ferreira, Mário Silva, Costinha, Deco e Maniche (FC Porto), Miguel, Ricardo Rocha, Simão Sabrosa e Nuno Gomes (Benfica), Ricardo (Boavista), Quim (Braga), Fernando Couto (Lázio), Jorge Andrade (Corunha), Fernando Meira (Estugarda), Rui Jorge (Sporting), Luís Loureiro (Gil Vicente), Sérgio Conceição (Inter), Figo (Real Madrid), Silas (U. Leiria), Pedro Mendes (V. Guimarães), Rui Costa (AC Milan), e Pauleta (Bordéus). A equipa concentra-se na próxima terça-feira e efectua o primeiro treino de preparação no Jamor (16h30).

CRÍTICOS EM SILÊNCIO

Rui Costa e Luís Figo foram os rostos mais vísiveis na oposição de jogadores naturalizados à selecção, mas ontem, após a chamada de Deco, não houve comentários à situação.

Fontes próximas do médio do Real Madrid disseram ao CM que o jogador não ia mais abordar o assunto depois da primeira tomada de posição. Já Rui Costa permaneceu incontactável.

NUNO GOMES DESEJA BOA SORTE

Enquanto alguns dos convocados se remeteram ao silêncio, outros optaram por falar, se bem que de forma cautelosa, sobre a chamada de Deco à selecção. Nuno Gomes, avançado do Benfica, foi um dos jogadores que abordou a questão: “O máximo que posso fazer é desejar-lhe boa sorte”.

O também benfiquista Ricardo Rocha, considerou que a utilização do médio portista trará um acréscimo de qualidade à equipa das quinas. “O mister é que sabe quem convoca, mas será com certeza uma mais-valia para a selecção”, afiançou o central ‘encarnado’.

Já o guarda-redes bracarense Quim garantiu ao CM que Deco será recebido como qualquer outro jogador: “Por minha parte vou recebê-lo da mesma maneira que todos os outros. É mais um jogador que vem para ajudar a formarmos uma grande selecção. Se ele se naturalizou foi porque quis e o seleccionador é que sabe se deve ou não convocá-lo”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)