Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
8

União de Leiria acusa árbitro de fazer "ameaças veladas de agressão física"

A SAD da União de Leiria anunciou esta terça-feira que vai solicitar uma audiência à Comissão de Arbitragem da Liga Portuguesa de Futebol Profissional, considerando "inaceitável" a atitude do árbitro auxiliar Vítor Carvalho no jogo de domingo com o Beira-Mar. O jogo, da 16.ª jornada da Liga de futebol, foi arbitrado por Hugo Pacheco, do Porto, e ditou a segunda derrota consecutiva em casa da União de Leiria (3-0).
18 de Janeiro de 2011 às 11:37
Clube alega que os ataques foram dirigidos ao banco do União de Leiria durante jogo com Beira-Mar
Clube alega que os ataques foram dirigidos ao banco do União de Leiria durante jogo com Beira-Mar FOTO: Bruno Pires

A SAD da União de Leiria acusa o árbitro auxiliar Vítor Carvalho de criar "um ambiente insustentável" no banco leiriense, "intimidando, provocando acintosamente quer o treinador principal, Pedro Caixinha, quer o seu adjunto, Sá Pinto mais os jogadores, suplentes e até responsáveis pelo departamento médico".

Em comunicado, a União de Leiria acusa Vítor Carvalho de, através do "uso de expressões ofensivas e de carácter extremamente vulgar", ao longo do jogo com o Beira-Mar ter feito "ameaças veladas de agressão física".

O clube garante que o pedido de audiência não resulta do resultado do jogo, sustentando que o Beira-Mar conseguiu "uma vitória justíssima". 

De acordo com a SAD, "estão em causa pessoas, a sua dignidade, a sua honra, o seu carácter", recusando os leirienses "este e outros anteriores comportamentos" do auxiliar, que será exposto "formalmente" em audiência com a Comissão de Arbitragem.

No jogo de domingo, a discussão entre os elementos do banco da União de Leiria e Vítor Carvalho levou à expulsão de Pedro Caixinha, já perto do final da partida.

"Gostava de ter uma explicação para o que se passou. Estou incrédulo. Sou normalmente uma pessoa calma, de quando em quando tenho uma reacção para com a equipa de arbitragem, mas não sei o que se passou. O árbitro disse que já chegava de eu tentar interferir no trabalho dele. Só sei que quando os nossos jogos são às quatro da tarde há sempre casos", reagiu o treinador à expulsão depois do jogo.

beira-mar uniao leiria arbitragem sá pinto expulsão liga portuguesa futebol
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)