Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Vencer para chegar à liderança da Liga

Anderson Polga e Marco Caneira juntaram-se ontem ao grupo de trabalho no último treino realizado antes do jogo desta noite. Apesar da sessão de ontem em Alcochete ter sido aberta apenas nos primeiros 15 minutos, os dois defesas, que trabalharam no ginásio nos últimos dias, estão a postos.
22 de Outubro de 2006 às 00:00
Com todo o plantel à sua disposição, Paulo Bento divulgou, após a conferência de Imprensa, a lista de convocados para o clássico. Relativamente à última convocatória, destacam-se as saídas de Abel, João Alves e Carlos Bueno, que serão rendidos por Miguel Garcia, Romagnoli e Farnerud. Convocados: Ricardo, Tiago, Tello, Miguel Garcia, Tonel, Polga, Miguel Veloso, Caneira, Carlos Martins, Nani, Farnerud, Custódio, João Moutinho, Romagnoli, Carlos Paredes, Alecsandro, Yannick Djaló e Liedson.
"VENCER PARA CHEGAR À LIDERANÇA DA LIGA"
Sporting e FC Porto disputam hoje, pelas 20h30, o jogo grande da 7.ª jornada. Bento quer isolar-se na frente da tabela.
Correio da Manhã – A ausência de Anderson pesou na escolha da equipa?
Paulo Bento – Não perspectivamos a equipa em função de um jogador. Apenas poderemos fazer alterações em função do adversário. Além disso, o FC Porto é uma equipa forte, com qualidade, organizada e bem orientada. Não me parece que dependa de um único jogador.
– E espera que o FC Porto altere a sua forma de jogar?
– O Sporting está preparado para jogar contra qualquer sistema e qualquer adversário. Temos jogado de igual para igual com todos e queremos vencer para chegar à liderança da Liga.
– Já encontrou a solução para que a equipa não repita os erros do jogo com o Bayern?
– Nos jogos temos momentos positivos e outros menos positivos. Não queremos que os primeiros minutos do jogo de terça-feira se repitam e procurámos corrigir as coisas menos boas para potenciar ao máximo as nossas capacidades. Estamos preparados.
– Qual será o principal facto de desequilíbrio neste encontro?
– Queremos ser psicologicamente mais fortes. Sabemos que temos jogadores que podem resolver e será importante ter um controlo emocional muito forte ao longo dos 90’. Permite-nos não só gerir os momentos bons que temos, como também reagir às adversidades que podem surgir.
– Disse que não perde dois jogos seguidos. Se perdeu com o Bayern vai vencer o FC Porto?
– Temos todas as possibilidades de voltar a ganhar e esse é o nosso objectivo. Não há nenhum adversário que nos faça alterar a forma de pensar e de jogar.
– A exibição de terça-feira pode chegar para vencer o clássico?
– Cada jogo tem a sua história. A forma como os adeptos se despediram da equipa na quarta-feira é a maior tranquilidade e segurança que os jogadores podem ter. É um crédito que os atletas ganharam. Não o podem desperdiçar.
– Mas a equipa vai jogar com a pressão de poder perder dois jogos seguidos?
–Não. A equipa tem os mesmos pontos do adversário, joga em casa... Quem luta por objectivos tem de saber lidar com esta pressão natural.
– Assume então o favoritismo para o jogo?
– Sem qualquer problema. Em casa somos sempre favoritos, isso não implica que não saibamos as qualidades e as dificuldades que o adversário nos pode criar. Queremos dominar e sabemos que será difícil fazê-lo o tempo todo. Nessas ocasiões teremos de saber controlar o jogo. Temos de estar confortáveis e saber jogar mesmo quando não temos a bola.
– Diz a tradição que o Sporting falha nos momentos decisivos. Esta equipa sente esta pressão?
– Tudo o que fizemos e o que estamos a fazer este ano não pode ser ignorado. Temos quatro pontos na ‘Champions’ e 15, de 18, na Liga. Vamos pôr tudo em causa porque num jogo difícil o Sporting pode ter um resultado negativo? Não acredito...
– Neste ano como treinador do Sporting o que destaca de melhor e pior e que comentários faz aos elogios de Soares Franco?
– Em quase seis anos e meio neste clube há muitos momentos bons. O pior foi a derrota com o FC Porto porque não passámos para a frente do campeonato. As palavras do presidente deixam-me orgulhoso e agradecido pela aposta em mim.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)