Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
3

"Vencer uma etapa seria ouro sobre azul"

Português da Radioshack parte hoje para mais uma Volta à França.
3 de Julho de 2010 às 00:00
Sérgio Paulinho
Sérgio Paulinho FOTO: d.r.

Correio Sport – Quais os objectivos individuais neste Tour?

Sérgio Paulinho – Não tenho grandes ambições. Vou fazer tudo por tudo para ajudar a equipa a vencer a Volta à França.

– A equipa em torno de Armstrong está mais forte?

– Penso que sim. O ano passado na Astana também tínhamos um grupo muito forte. O Lance está forte, mas o Leipheimer e o Kloden têm uma palavra a dizer.

– Contador é o alvo a abater...

– Sem dúvida que sim. É um ciclista muito forte e um grande candidato.

– Quem são os principais candidatos à vitória?

– Quanto a mim o vencedor do Tour deste ano vai sair de um destes três: Armstrong, Leipheimer ou Contador.

– Fisicamente está no seu melhor momento?

– Sinto-me muito bem para começar a prova. Fiz tudo aquilo que me foi pedido pela equipa técnica. Sinto-me com muita força.

– Vencer uma etapa é um sonho?

– Sim, claro, não há impossíveis. O grande objectivo é trabalhar para a equipa, mas se tiver oportunidade de o conseguir não vou enjeitar. Seria ouro sobre azul.

PRATA FOI PONTO MAIS ALTO

Sérgio Paulinho tem 30 anos e é filho do ex-ciclista português Jacinto Paulinho. Teve como ponto alto na carreira a conquista da medalha de Prata nos Jogos Olímpicos de Atenas (2004) e um triunfo numa etapa da Volta à Espanha em 2006. Em 2010, Sérgio Paulinho assinou pela equipa RadioShack, liderada por Lance Armstrong.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)