Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Vieira e Rui Costa em rota de colisão

A escolha do treinador e dos jogadores para a próxima época está a acentuar ainda mais a tensão entre Luís Filipe Vieira e Rui Costa. Profundamente desiludido com a época do Benfica e com o destino dado aos 24 milhões de euros gastos em reforços, o presidente resolveu chamar a si as contratações, mas o CM sabe que o director desportivo já confessou em círculos íntimos que não admitirá intromissões, de quem quer que seja, na contratação do novo treinador.
13 de Maio de 2009 às 00:30
Rui Costa e Luís Filipe Vieira estão cada vez mais distantes
Rui Costa e Luís Filipe Vieira estão cada vez mais distantes FOTO: João Miguel Rodrigues

As diferenças são evidentes: Vieira tomou a iniciativa de contactar Scolari, este recusou, explicitando as razões, que passam por Rui Costa (ver peça em baixo), e a segunda escolha recaiu em Jorge Jesus, outro treinador que não é do agrado do director desportivo, por razões extradesportivas.

A tensão entre Vieira e Rui Costa remonta ao período anterior à presença de ambos na homenagem prestada à antiga estrela do Benfica, Fiorentina e Milan, em que ambos fizeram juras de amizade e fidelidade, mas neste momento é quase indisfarçável o mal-estar. "Nem se falam", contou ao CM uma fonte do clube.

As divergências tornaram-se mais evidentes com o acordo alcançado entre Luís Filipe Vieira e Jorge Jesus. Segundo apurou o CM, Rui Costa reconhece capacidade no aspecto técnico, mas entende não ser um treinador com perfil para treinar o Benfica. Tem outras soluções em carteira e aguarda apenas o momento certo para comunicá-las ao líder da SAD. Mas o director desportivo não gostou de saber que Vieira já estabeleceu contactos com pessoas da sua confiança para falar da contratação de jogadores. Na Luz, aguarda-se com alguma curiosidade a sua reacção a esta ‘afronta’.

Entre Vieira e Jorge Jesus está tudo acertado, mas a intransigência do presidente do Sp. de Braga, António Salvador, em deixar sair o técnico pelo valor da cláusula de rescisão (um milhão de euros) ameaça a concretização do negócio. O CM sabe, no entanto, que Jorge Jesus prometeu ao líder das águias tudo fazer para facilitar a desvinculação dos arsenalistas.

SCOLARI MUITO LONGE DA LUZ

Luiz Felipe Scolari não será treinador do Benfica na próxima época, sabe o Correio da Manhã.

Sondado pelos encarnados há cerca de duas semanas, o ex-seleccionador nacional descartou, de imediato, essa possibilidade, situação que afasta, para já, qualquer negociação entre os encarnados e o treinador brasileiro.

Fonte do clube da Luz lembrou também ao CM que Scolari "é o último técnico que Rui Costa quer ver no Benfica", dado que foi o antigo técnico do Chelsea que "terminou com a carreira de Rui Costa na Selecção".

Outro dos factores que colocam Scolari longe da Luz é o elevado salário auferido. O técnico, campeão do Mundo pelo Brasil em 2002, recebia cerca de 600 mil euros por mês nos blues, valor incomportável para os cofres da Luz.

"QUERO IR EMBORA DE PORTUGAL"

"Quero ir embora de Portugal. Há dois ou três clubes daqui com interesse, mas não quero ficar. Com todo este desgaste, aqui, se eu sofro um golo de penálti, é falha minha. Dou prioridade se surgir algum negócio no Brasil, já que estou há quase seis anos em Portugal." As palavras são de Moretto, guarda-redes brasileiro do Benfica, ontem, em entrevista ao site da ‘Globo’, mostrando-se entusiasmado com a possibilidade de entrar no negócio de Bruno com o Flamengo. "Houve uma conversa, através da imprensa, sobre a possibilidade de haver uma troca entre mim e o Bruno [guarda-redes do Flamengo cobiçado pelos encarnados]. Quem não gostaria de jogar no Flamengo? É um clube que eu admiro, um clube grande, tem a maior torcida do país", frisou o guardião contratado pelo Benfica ao V. Setúbal em 2006.

APONTAMENTOS

RICARDO GOMES RENOVA

Ricardo Gomes, antigo jogador do Benfica e apontado, ano após ano, como treinador das águias, volta a descartar essa possibilidade. "Ninguém do Benfica falou comigo e eu tenho nos meus planos renovar com o Mónaco", afirmou o técnico brasileiro.

REYES NO RELVADO

José Antonio Reyes trabalhou, ontem, no relvado, tendo feito o aquecimento com o resto do plantel. O espanhol fez um estiramento na coxa direita, mas pode ser opção para o jogo com o Sporting de Braga. Também Nuno Gomes, com uma rotura na coxa direita, fez apenas tratamento e ginásio.

VALÊNCIA 'PESCA' NA LUZ

O Valência juntou-se ao Sevilha e ao Bétis no interesse pelo defesa-central da equipa júnior João Pereira. Em declarações à imprensa espanhola, o jogador confirma estes interesses, mas frisa que apenas o Sevilha falou com os seus agentes.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)