Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

Vieira exige regularidade à equipa

A vitória (2-0) em Guimarães desanuviou o ambiente na Luz, mas Luís Filipe Vieira e Rui Costa mantêm a mesma exigência aos jogadores.
9 de Janeiro de 2009 às 00:30
Quique Flores conversou com o plantel no primeiro treino após a vitória em Guimarães para a Taça da Liga
Quique Flores conversou com o plantel no primeiro treino após a vitória em Guimarães para a Taça da Liga FOTO: D.R.

"A equipa cumpriu o que era esperado e, quando isso acontece, é evidente que há motivo para satisfação. Mas não se pode banalizar uma situação que deve ser regra no Benfica. A equipa tem a obrigação de entrar em todos os campos com a mesma atitude e com o pensamento na vitória", explicou uma fonte do clube ao CM, justificando por que razão não houve novas palestras aos jogadores, como aconteceu a seguir ao jogo com o Trofense.

A mesma fonte garante que a exigência é a mesma para os próximos jogos. "Houve uma chamada de atenção e mantém-se essa exigência. Tem de haver regularidade, à semelhança do que aconteceu em Guimarães, onde a equipa demonstrou o seu verdadeiro valor", reforçou.

Para lá do aspecto desportivo, também a ausência de Luís Filipe Vieira na Assembleia Geral da SAD, marcada para a próxima segunda-feira e na qual se irá propor aos accionistas a autorização para emissão de papel comercial no valor de 40 milhões de euros, gerou críticas de algumas figuras do universo benfiquista, caso de Bagão Félix.

Contactado pelo CM, João Gabriel, director de Comunicação do Benfica, minimizou o facto. "O presidente viaja para Cabo Verde neste sábado, na companhia de Eusébio e de Pedro Mantorras. É um compromisso assumido há muito tempo e não há razões para o adiar. A Assembleia pode decorrer sem a sua presença", afiançou.

MIGUEL VÍTOR: "LIMPÁMOS A IMAGEM"

"Em Guimarães, limpámos a nossa imagem, que ficou afectada pelos últimos dois jogos", disse ontem o central Miguel Vítor. O único jogador português do onze titular do Benfica na partida frente ao V. Guimarães (vitória, por 2-0), para a Taça da Liga, deixou, depois, uma palavra para os adeptos: "Têm estado sempre connosco. Tenho a certeza de que nos vão apoiar no domingo, contra o Sp. de Braga", afirmou, afastando a ideia de os jogadores terem levado um raspanete quando Filipe Vieira e Rui Costa pediram mais empenho ao grupo após a derrota (2-0) com o Trofense. "A equipa não necessita de puxões de orelhas. Fizemos uma reflexão e corrigimos atitudes menos boas."

REYES APTO PARA JOGAR COMO BRAGA

José Antonio Reyes já estará à disposição do técnico Quique Flores para o jogo com o Sporting de Braga, no próximo domingo (18h30, Sport TV1), na Luz. O ala-esquerdo espanhol voltou a treinar, ontem, sem limitações, embora sob vigilância médica, e dependerá apenas de Quique Flores a sua entrada na lista dos convocados, que será dada a conhecer após o treino de amanhã, no Seixal.

O espanhol ressentiu-se de uma lesão antiga na coxa esquerda, que não foi detectada nos primeiros exames realizados no Benfica, e desde então falhou os encontros com Metalist, para a Taça UEFA, Nacional e Trofense, para o campeonato, e com o V. Guimarães, para a Taça da Liga.

Ontem, foi a vez de David Suazo trabalhar condicionado, devido a uma gastroenterite, mas o hondurenho é dado como recuperável para o encontro com o Sporting de Braga.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)