Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Villas-Boas acusado de “conduta imprópria”

A Federação Inglesa de Futebol (FA) abriu um inquérito disciplinar ao treinador português do Chelsea, André Villas-Boas, por conduta imprópria nas críticas que fez a um árbitro.
11 de Novembro de 2011 às 12:37
Villas-Boas tem até terça-feira para responder a inquérito
Villas-Boas tem até terça-feira para responder a inquérito FOTO: Phil Noble/Reuters

Villas-Boas afirmou então que o desempenho do árbitro Chris Foy, no jogo em que o Chelsea perdeu fora com o Queens Park Rangers (1-0), tinha sido "muito, muito pobre" e acusou o juiz e os seus auxiliares de se terem deixado intimidar pelos adeptos no estádio Loftus Road.  

No jogo, em que o Queens Park Rangers marcou de grande penalidade, Chris Foy expulsou, ainda na primeira parte, o lateral português Bosingwa, num lance merecedor no máximo de cartão amarelo, e o costa-marfinense Didier Drogba.  

Depois de ter sido solicitado a Villas-Boas que explicasse as declarações proferidas, a FA entendeu anunciar hoje que o técnico "foi acusado de conduta imprópria, seguida de comentários à imprensa em relação ao árbitro do jogo". 

André Villas-Boas tem um prazo até terça-feira para responder ao inquérito da FA.

villas-boas premier league federação inglesa árbitro críticas
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)