Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

Vitória alivia Jaime Pacheco

O Vitória de Guimarães venceu ontem, na abertura da 11.ª jornada da Liga, o Gil Vicente, por duas bolas a zero, com golos apontados por Benachour e Paulo Sérgio.
19 de Novembro de 2005 às 00:00
O tunisino Benachour festeja o primeiro golo dos vimaranenses
O tunisino Benachour festeja o primeiro golo dos vimaranenses FOTO: João Abreu Miranda/ EPA
Um triunfo que constitui um verdadeiro balão de oxigénio para o técnico Jaime Pacheco, alvo de alguma contestação por parte dos sócios vimaranenses. Ambas as equipas entraram mais preocupadas em não sofrer golos do que em marcá-los, tornando o jogo pouco interessante.
A partir do minuto 17, com a expulsão de Gouveia, a formação de Barcelos sentiu muitas dificuldades em criar lances ofensivos, também por culpa dos vimaraneneses, que pressionaram mais. Aos 25’, Jaime Pacheco tirou Moreno e colocou em campo o avançado Manoel com a clara intenção de empurrar o adversário para o seu meio-campo.
Sem criar muitas oportunidades de golo, o V. Guimarães mandava no jogo e aos 38 minutos Benachour inaugurou o marcador, numa jogada um pouco confusa, com Dário a assistir o tunisino. O Gil Vicente só incomodou Paiva através de lances de bola parada. Na segunda parte, os gilistas entraram mais atrevidos, mas abriram espaços na defesa. A equipa da casa soube aproveitar e Dário quase marcava de cabeça aos 49’, mas Jorge Baptista negou o golo ao moçambicano.
À passagem do minuto 55’, Paulo Sérgio fez o 2-0, com Dário novamente na jogada (grande passe de calcanhar), e deu mais tranquilidade aos vimaranenses. Os ‘galos’ reagiram perante a passividade do meio-campo do Vitória, mas nunca criaram verdadeiro perigo. A entrada de Zezinho (75’) deu mais fulgor ao ataque vimaranense. O extremo podia mesmo ter feito o 3-0 num remate fora de área (88’) que passou perto do poste.
FICHA DE JOGO
Estádio: D. Afonso Henriques, em Guimarães (12.513 espetcadores)
Árbitro: Hélio Santos (Lisboa)
VITÓRIA DE GUIMARÃES: Paiva, Mário Sérgio, Cléber, Dragoner, Rogério Matias, Moreno (Manoel, 25m), Flávio Meireles, Benachour (Pintassilgo, 81m), Paulo Sérgio (Zezinho, 75m), Neca e Dário. Treinador: Jaime Pacheco.
GIL VICENTE:Jorge Baptista, Édson (Rodolfo Lima, 46m), Gregory, Rovérsio, Williams, Braíma, Bruno Tiago (Leandro Netto, 82m), Gouveia, Nandinho, Carlos Carneiro, Carlitos (João Pedro, 46m). Treinador: Ulisses Morais.
MARCADOR: 1-0, Benachour (38m); 2-0, Paulo Sérgio (55m)
ACÇÃO DISCIPLINAR: Amarelos - Gregory (18m); Dragoner (45m); Cléber (65m); Nandinho (67m); Vermelhos - Gouveia (17m)
MELHOR JOGADOR: Dário
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)