Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Danilo e Marega dão 29.º título de Campeão Nacional ao FC Porto

Fogo de artifício e lágrimas marcam festejos dos azuis e brancos.
Correio da Manhã e Lusa 15 de Julho de 2020 às 16:47
A carregar o vídeo ...
Adeptos preparam Estádio do Dragão e ruas da Invicta para festa do título do FC Porto
O FC Porto, mesmo precisando de apenas um ponto, não enjeitou a hipótese de celebrar já o 29.º título de campeão nacional de futebol e superou o Sporting (2-0), no encerramento da 32.ª jornada da I Liga portuguesa.

Depois de o Benfica ter vencido na véspera o Vitória de Guimarães (2-0), o líder não quis esperar mais e começou a construir o triunfo aos 64 minutos, com Danilo a dar a melhor sequência a um canto e acentuando a importância dos lances de bola parada na estratégia de Sérgio Conceição.

O tento de Moussa Marega, aos 90+1 minutos, apenas confirmou o que já era expetável e 'selou' a quarta vitória dos 'azuis e brancos' no mesmo número de 'clássicos' disputados esta época na I Liga.

A duas jornadas do final e com seis pontos ainda em disputa, o FC Porto repôs os oito pontos de vantagem sobre o Benfica, num encontro que ditou a primeira derrota de Rúben Amorim no escalão principal, ao fim de 18 jogos, nove pelo Sporting de Braga e outros tantos pelo Sporting.

Apesar do desaire, os 'leões' mantiveram o terceiro lugar, com 59 pontos, agora com mais dois do que o Sporting de Braga.

Pouco antes do jogo do Dragão, os minhotos tinham desperdiçado a possibilidade de se 'colar' aos 'verdes e brancos' e de garantir matematicamente o quarto posto, ao ceder um empate 1-1 na receção ao Belenenses SAD, que ainda não assegurou a permanência entre os 'grandes' na próxima época.

O golo de Ricardo Horta, em cima do intervalo, deu expressão ao domínio exercido pelos bracarenses, só que o colombiano Mateu Cassierra, lançado por Petit na segunda parte, repôs a igualdade a 10 minutos do fim, 'oferecendo' aos lisboetas um ponto que poderá vir a ser precioso.

Por seu lado, o Paços de Ferreira poderia ter garantido na quinta-feira a manutenção na I Liga, mas a igualdade 1-1 na visita ao Moreirense manteve os 'castores' cinco pontos acima do penúltimo, Vitória de Setúbal, a duas rondas do final.

O central Steven Vitória marcou o tento dos 'cónegos' na primeira parte, de grande penalidade, mas Marco Baixinho 'respondeu' aos 75 e repôs a igualdade para os visitantes, que na próxima jornada recebem o Portimonense, outra das equipas que luta pela 'sobrevivência'.

Aos jornalistas, Pinto da Costa anunciou que no próximo jogo do FC Porto quer público e espectáculo com Bruno Nogueira.


O resumo do jogo em imagens


90+1' - Golo!! Marega marca o segundo pelos dragões




64'
- Golo!! Danilo cabeceia e não falha! Está feito o primeiro para o FC Porto


12' - Luis Díaz do Porto marca mas vê lance ser anulado


01' - Sporar marca golo pelos verdes e brancos no primeiro minuto, mas vê golo ser anulado



Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)