Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

Super Dragões: agressões obrigam a desviar avião

Voo seguia para a Turquia mas comandante ordenou paragem.
Igor Gonçalves 2 de Novembro de 2015 às 01:00
Polícia italiana foi chamada ao interior do avião após aterragem em Roma
Polícia italiana foi chamada ao interior do avião após aterragem em Roma FOTO: DR
Um grupo de adeptos do FC Porto obrigou a que um voo, que seguia da Invicta para Istambul, na Turquia, aterrasse de emergência, este domingo à tarde, em Roma, Itália, devido a desacatos provocados com outros passageiros. Foram detidos quatro elementos ligados à claque Super Dragões, que terão agredido um passageiro que seguia no mesmo avião.

Os adeptos azuis-e-brancos seguiam para a Turquia para fazer escala rumo a Israel, onde o FC Porto enfrenta na próxima quarta-feira o Maccabi Telavive em jogo a contar para a 4ª jornada do grupo G da Liga dos Campeões. Ao que o CM apurou, terão incomodado uma hospedeira de bordo da companhia aérea. Um dos passageiros, de nacionalidade turca, insurgiu-se contra um grupo de adeptos portistas e foi nessa altura que terá sido agredido. Devido a esta situação, o comandante do voo TK1450 achou que não estavam reunidas as condições de segurança para levar o avião até à Turquia e decidiu fazer uma aterragem de emergência em Roma.

Já em solo italiano, foi chamada a polícia, que retirou e deteve durante algumas horas os quatro adeptos. Estes acabaram por ser libertados, desconhecendo-se ainda se tiveram de pagar alguma coima pela situação. Já o voo seguiu para o seu destino algumas horas depois. Sem os adeptos. No voo seguiam mais de uma dezena de adeptos ligados à claque azul-e-branca.

FC Porto Istambul Turquia Roma Itália Super Dragões Liga dos Campeões futebol
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)